O que é minimalismo empresarial

O minimalismo empresarial é uma estratégia que visa produzir mais por menos, evitando desperdícios e tornando as empresas que aderem a esse tipo de política, mas lucrativas.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Empresas minimalistas investem apenas naquilo que realmente é essencial para os seus negócios, evitando tarefas, procedimentos, custos e despesas não essenciais. 

Podemos definir o minimalismo como uma estratégia oposta à teoria da burocracia de Max Weber.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Como funciona o minimalismo empresarial

O minimalismo empresarial é uma estratégia ou movimento que tem crescido nos últimos anos ao afirmar que uma empresa pode crescer sem que para isso o dono e o seu time como um todo precisem sacrificar todo o seu tempo e qualidade de vida.

São exemplos de ações em direção ao minimalismo:

  • Cancelamento de softwares que a empresa paga e não utiliza;
  • Cancelamento e substituição quando necessário de sistemas obsoletos;
  • Venda de bens em geral que não são mais utilizados ou essenciais para a empresa;
  • Otimização do tempo para realização de tarefas;
  • Redução no número de procedimentos e burocracias internas;
  • Estudo e eliminação de custos não essenciais para o negócio;
  • Revisão geral dos fundamentos das empresas;
  • Dentre outras ações que ajudam a simplificar os negócios.

No minimalismo empresarial, as empresas, seus proprietários e funcionários possuem foco total nas atividades finalísticas da empresa, evitando a perda de tempo e recursos financeiros com softwares, processos e tarefas não essenciais.

O objetivo é tornar o dia a dia e os negócios das empresas mais fluído, rápido e assertivo. 

Quando o minimalismo é empregado nas empresas, elas costumam ganhar velocidade de crescimento, sem que para isso, as pessoas precisem se desprender de todo o seu tempo livre.

Na prática, o minimalismo empresarial pode ser comparado a uma busca constante pela eficiência, onde o objetivo é obter resultados muito menos, otimização é a chave dessa estratégia.

Pode-se afirmar, que as empresas que colocam o minimalismo empresarial em prática conseguem obter maior eficiência em todas as suas tarefas e processos.

Como fazer parte do minimalismo empresarial

Para fazer parte do minimalismo empresarial, as empresas precisam rever muitos dos seus conceitos, sempre em busca da otimização. Veja alguns exemplos:

Avaliação de tarefas : O que a sua empresa precisa entregar aos clientes? Qual é o objetivo principal do seu negócio? 

Definir o objetivo principal dos negócios e um alvo a ser seguido é uma atitude que faz parte do minimalismo empresarial.

Empresas minimalistas precisam abrir mão de processos, ideias e produtos que perderam relevância e eficácia.

A decisão não é fácil, mas ajudará a empresa reduzir custos, otimizar processos e ser melhor naquilo que realmente importa para o seu sucesso.

Simplificação de objetivos: Muitas empresas possuem um grande número de objetivos a buscar, o que vai totalmente contra ao minimalismo empresarial. 

No minimalismo, as empresas constroem um único objetivo e trabalham com foco total nele, evitando desviar a atenção para objetivos secundários.

Qualidade em primeiro lugar: Para o minimalismo empresarial, a qualidade é o ponto chave para o sucesso de um negócio e não a quantidade. 

Portanto, os defensores dessa estratégia argumentam que é mais vantajoso cumprir um número menor de objetivos desde que com excelência.

Redução de custos: Pode-se afirmar que o minimalismo está alicerçado em dois grandes pilares, sendo um deles o da redução de tarefas e processos e outro o da redução de custos.

Na prática a redução de tarefas por si só, contribui bastante para a redução de custos.

No entanto, os gestores adeptos ao minimalismo precisam buscar e implementar todas as formas de redução de custos que não comprometam a eficiência dos negócios.

Por fim, é possível observar e concluir que as empresas que aderem ao minimalismo empresarial precisam manter apenas aquilo que é essencial para o objetivo maior dos seus negócios.