A Marcopolo (POMO3, POMO4) informou nesta quarta-feira (24), que sua empresa controlada San Marino Ônibus obteve decisão favorável em ação em que pedia a exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS e Cofins, tendo reconhecido o direito de compensar créditos relativos ao período de 2003 a 2020, no valor estimado de R$ 71,9 milhões.

O montante será contabilizado nas demonstrações financeiras consolidadas deste mês de junho, segundo comunicado.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

O aproveitamento dos créditos dependerá de habilitação via procedimento administrativo perante a Receita Federal, lembra a companhia.

A Marcopolo lembra ainda que por meio da Ciferal Indústria de Ônibus Ltda. mantém ações judiciais com o mesmo objeto ainda em trâmite e sem previsão de conclusão.

Resultado da Marcopolo no Primeiro Trimestre de 2020

O resultado da Marcopolo (POMO3, POMO4) no primeiro trimestre de 2020 (1t20), divulgado no dia 25 de maio, apresentou um lucro líquido de R$ 10,7 milhões, uma baixa de -60,3% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da Marcopolo atingiu em R$ 101,9 milhões no 1t20, apresentando retração de -68,0% na comparação com o 1t19.

A margem ebitda da Marcopolo foi de 11,1%, apresentando crescimento de 4,4 p.p em relação ao mesmo o 1t19.

Já a margem líquida da Marcopolo atingiu 1,2% no 1t20, apresentando retração de -1,8 p.p. na comparação com o 1t19.

As ações da Marcopolo (POMO3) acumulam alta de 0,70% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 9,36% nos últimos 12 meses.

Já as ações da Marcopolo (POMO4) acumulam alta de 2,71% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 18,41% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.