O Grupo Loft, que atua no segmento imobiliário informou hoje ter feito uma nova reorganização, que envolve o corte de 12% de sua equipe e de empresas adquiridas, o equivalente a 384 pessoas de um total de 3.200 funcionários. 

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Este é o segundo corte feito pela empresa após as 159 demissões realizadas em abril, que representaram 5% da equipe. No total, a empresa demitiu 543 profissionais desde abril.

“A redução do quadro de funcionários se soma a outras medidas de aumento de eficiência tomadas nos últimos meses após quatro anos de crescimento agressivo e consistente, tanto através de produtos desenvolvidos organicamente quanto via aquisições”, disse a Loft em comunicado no blog da empresa.

“Com essas medidas, o Grupo Loft se adequa à nova realidade global dando passos importantes para suportar a continuação do atual ritmo de forte crescimento em seus negócios, oferecendo produtos inovadores para clientes, incluindo imobiliárias e corretores em todo o país”, completou a empresa.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Sobre os cortes de abril, a Loft informou ao Valor que houve uma redução de funções duplicadas após cinco aquisições em 18 meses, especialmente na área de crédito imobiliário da CrediHome, adquirida em agosto.

No comunicado de hoje, a Loft informou que os colaboradores demitidos receberão um pacote especial de benefícios, incluindo extensão do plano de saúde para o titular e dependentes por dois meses, apoio ao processo de recolocação profissional e facilitação da participação no plano de opções de ações para as pessoas elegíveis.

Fonte: Valor Econômico.