A Linx (LINX3) informou que a Linx Pay Meios de Pagamento, empresa de pagamentos controlada pela companhia, apresentou perdas operacionais incomuns que ainda estão sendo calculadas.

A informação foi comunicada pela Linx na noite desta segunda-feira (29), através de fato relevante.

"Com base nas informações disponíveis até o momento, estima-se que a companhia venha a reconhecer perdas de aproximadamente R$ 41 milhões que serão integralmente contabilizadas no quarto trimestre de 2020", afirmou a Linx. 

De acordo com a companhia, a perda seria "consequência do cancelamento de transações atípicas por parte de terceiros na utilização de máquinas comercializadas por um parceiro comercial da Linx Pay".

A empresa ainda esclareceu que as perdas operacionais atípicas não foram oriundas de clientes Linx Core e Linx Digital.

Com os resultados já apurados pela companhia, a administração deve avaliar a "viabilidade de obter o ressarcimento das perdas objeto da apuração".

Por conta das perdas incomuns, a Linx adiou a divulgação de resultados de quarto trimestre de 2020.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Resultado da Linx no Terceiro Trimestre de 2020

O resultado da Linx (LINX3) no terceiro trimestre de 2020 (3t20), divulgado no dia 09 de novembro, apresentou um prejuízo líquido de R$ 7,9 milhões, contra um prejuízo de R$ 0,1 milhões em relação ao mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da Linx atingiu R$ 44,6 milhões no 3t20, apresentando crescimento de 11,3% na comparação com o 3t19.

A margem Ebitda da Linx totalizou 20,2% no 3t20, apresentando retração de -0,2 ponto percentual na comparação com o 3t19. 

A Margem líquida da Linx atingiu -3,6% no 3t20, apresentando retração de -3,5 pontos percentuais na comparação com o 3t19.

As ações da Linx (LINX3) acumulam queda de 0,82% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 90,27% nos últimos 12 meses.