A Linx (LINX3) anunciou a aquisição de 40% de participação na Neostore Desenvolvimento de Programas de Computadores (Neomode), por meio de sua subsidiária Linx Sistemas e Consultoria.

A empresa pagará o total de R$ 7 milhões após a análise e aprovação da operação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Em fato relevante enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a empresa destaca que a Neomode oferece um canal de vendas e plataforma app commerce white label (plataforma desenvolvida por uma empresa, mas que recebe a marca de uma parceira) com integrador agnóstico a Enterprise Resource Planning (ERP), Point of Sale (PDV), ecommerces e gateways com soluções baseadas em nuvem.

O objetivo principal é o desenvolvimento e fornecimento de soluções que integram canais online e lojas físicas no conceito omnichannel com a utilização de seu aplicativo e integrador.

O modelo de negócio é baseado em receita recorrente (SaaS), composta por mensalidade e volume transacionado.

A Neomode possui atualmente mais de 3.330 lojas físicas no sistema "clique e retire, delivery e drive thru". O faturamento da empresa estimado para 2021 é de R$7,5 milhões.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Resultado da Linx no Primeiro Trimestre de 2021

O resultado da Linx (LINX3) no primeiro trimestre de 2020 (1t21), divulgado no dia 17 de maio, apresentou um prejuízo líquido de R$ 7 milhões no 1T21, apresentando uma redução no prejuízo de -24,1% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da Linx atingiu R$ 46,3 milhões no 1T21, apresentando crescimento de 24,0% na comparação com o 1T20.

A Margem Ebitda da Linx totalizou 20,1% no 1T21, apresentando crescimento de 2,2 pontos percentuais na comparação com o 1T20. 

A Margem Líquida da Linx atingiu -2,9% no 1T21, apresentando crescimento de 1,4 ponto percentual na comparação com o 1T20.

As ações da Linx (LINX3) acumulam queda de 0,27% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 51,25% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.