A Light (LIGT3) informou na terça-feira (12), que o Conselho de Administração aprovou a eleição para o Cargo de Diretor Presidente, com efeitos a partir do dia 15 de agosto de 2022, o Sr. Octávio Cortes Pereira Lopes.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Até tal data, o Sr. Wilson Martins Poit continuará exercendo suas funções como Diretor Presidente Interino.

O Sr. Octávio é formado em economia pela Universidade de São Paulo e possui um MBA pela Wharton School na Universidade da Pensilvânia, da qual é membro do Executive Board for Latin America desde 2008.

Atualmente é CEO da Tok&Stok, companhia líder do setor de Casa&Decoração no Brasil, desde setembro 2020, tendo liderado a transformação digital da companhia. Octavio fundou e foi CEO da Equatorial Energia de 2004 a 2007.

Durante seu mandato na Equatorial Energia, foi responsável pela bem-sucedida reestruturação financeira e operacional de sua principal subsidiária, a CEMAR, e seu IPO em 2006.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Entre 2012 e 2017, Octavio foi CEO da Magnesita Refratários e de sua sucessora Magnesita International, tendo liderado a fusão da Magnesita com a RHI, a integração das duas empresas e o IPO na Bolsa de Valores de Londres da companhia combinada, RHI Magnesita onde permaneceu como CFO interino por um ano.

Octavio ocupou diversos cargos na GP Investments, uma das principais companhias de private equity do Brasil, de 1997 a 2012, incluindo sócio e managing director, tendo atuado também no conselho de administração de diversas companhias, ente elas Light, Magnesita, RHI Magnesita, Equatorial Energia, CEMAR, San Antonio, Gafisa, Webmotors e Submarino (hoje Americanas).

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Com a efetiva posse do Sr. Octávio, o Sr. Wilson Martins Poit deixará o cargo de Diretor Presidente Interino e voltará a presidir o Conselho de Administração da Companhia.

Resultado da Light no Primeiro Trimestre de 2022

resultado da Light (LIGT3) no primeiro trimestre de 2022 (1t22), divulgado no dia 11 de maio, apresentou um prejuízo de -R$ 106 milhões no 1t22, contra prejuízo de –R$ 41,8 milhões em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da Light atingiu R$ 525,5 milhões no 1t22, apresentando alta de 25,2% na comparação com o 1t21.

A margem líquida da Light atingiu -3,0% no 1T22, apresentando retração de -1,9 pontos percentuais na comparação com o 1T21.

As ações da Light (LIGT3) acumulam alta de 10,86% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 60,55% nos últimos 12 meses.