O que é Justificação pelo Esforço

Justificação pelo esforço é a tendência natural humana de dar mais valor para as atividades e conquistas que requerem mais esforço e são mais difíceis de alcançar. 

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Esse viés comportamental parte de uma certa romantização daquilo que é mais difícil, estabelecendo uma relação de proporcionalidade direta entre o esforço e o sucesso individual. Em outras palavras, quanto maior o esforço, maior a conquista.  

Embora frequentemente o esforço seja importante para o sucesso, a justificação pelo esforço pode fornecer uma visão distorcida dos fatos, pois algumas vezes as atividades mais difíceis têm valor igual ou menor a aquelas de maior facilidade. 

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Como funciona a Justificação pelo Esforço

Como todo viés comportamental, a Justificação pelo esforço se refere à uma tendência de comportamento que afeta as decisões, visto que estas passam a ser tomadas com base em questões emocionais, não mais em julgamentos racionais.

O enaltecimento da lógica meritocrática, ou seja, a valorização das conquistas provenientes de muito esforço, podem deturpar a percepção daquilo que realmente tem importância e valor.

Isso faz com que as pessoas, ao serem tomadas pela emoção ou apego sentimental, acreditem que quanto mais obstáculos elas vencerem, mais merecedoras de sucesso elas serão.

Consequentemente, tomamos decisões ruins nos diversos âmbitos da vida, já que o custo para se alcançar um objetivo se torna prioridade em relação ao discernimento do que é melhor ou não para a nossa vida. 

Justificação pelo Esforço e Finanças 

Nem sempre as decisões financeiras são tomadas de formas racionais, visando o melhor resultado. Os valores sentimentais de cada ser humano muitas vezes podem atrapalhar os negócios. 

O comportamento do investidor é frequentemente influenciado por vieses cognitivos, e ter conhecimento dos mesmos e de como a sua mente funciona é essencial para evitar decisões que lhe tragam prejuízos

Baseado no princípio do merecimento, a Justificação pelo Esforço pode desencadear ou reforçar outros vieses comportamentais que dificultam a clareza e a racionalidade no momento de uma negociação. 

É o caso do “Efeito Ikea”, que é a tendência mental que os seres humanos possuem de valorizar mais os produtos que são feitos por nós mesmos, em comparação aos materiais produzidos por terceiros e que possuem qualidade igual ou melhor. 

O problema desse viés não é quando estabelecemos essa valorização para nós mesmos, mas quando esperamos que os outros também reconheçam o valor superior que esse produto tem em nossas vidas. 

Por exemplo, quando uma pessoa pretende vender um item que ela produziu, ou que possui um valor emocional significativo, ela não pode elevar o preço pensando que o comprador vai se basear no valor que aquilo tem para o vendedor. 

É necessário enxergar a situação de forma racional, para que se compreenda qual valor o produto tem para o consumidor e tentar fazer a melhor negociação para ambos. 

Justificação pelo Esforço e Investimentos

No âmbito dos investimentos, um outro viés que é reforçado pela Justificação pelo Esforço é o dos custos afundados.

Esse viés indica que os indivíduos tendem a manter um investimento, mesmo com muitas adversidades, simplesmente porque já aplicaram muito esforço, tempo ou dinheiro.

No entanto, esse investimento não está mais dando lucros e as pessoas se recusam a abandonar porque pensam nos valores despendidos anteriormente, mesmo que estes não possam mais ser recuperados.

Apesar desses vieses, com um bom planejamento financeiro pessoal, autoconhecimento e a compreensão de que as emoções não podem tomar conta das decisões financeiras, o investidor consegue evitar a influência da justificação pelo esforço.

Assim, ele aprenderá a analisar as alternativas disponíveis nos momentos presente e futuro, bem como levará em consideração o custo-benefício de suas opções, e tomará a melhor decisão de acordo com seus objetivos.