O que é Juros Postecipados

Juros Postecipados é um tipo de taxa de juros cobrada ao final de cada parcelamento de uma dívida, não havendo, portanto, pagamento no momento inicial da compra. 

Os Juros Postecipados servem como uma forma de recompensar o vendedor pelo prazo a mais que ele concedeu ao cliente para o pagamento da conta e, por consequência, o tempo a mais que ficou sem receber o dinheiro. 

Trata-se de uma forma de juros comum, visto que ela está presente em muitas compras realizadas a prazo, como o parcelamento de produtos como roupas, carro, eletrodomésticos, entre outros.

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Como funciona os Juros Postecipados

Como dito anteriormente, os Juros Postecipados são muito recorrentes durante o parcelamento de uma compra. Embora não seja uma regra, a maioria das empresas aplicam esse tipo de cobrança pelo prazo concedido para o cliente efetuar o pagamento. 

 Esse tipo de taxa de juros busca recompensar o vendedor pelo prazo a mais que ele concedeu para o cliente efetuar o pagamento. A forma de retribuir o parcelamento da dívida seria, então, o aumento do lucro sobre a venda.  

Dessa forma, quando esse tipo de juros é aplicado sobre uma compra, o valor adicional compõe a parcela. Ou seja, é cobrado a partir do final do primeiro período

Os consumidores que pretendem comprar um produto mais caro e tem a intenção de parcelar o valor já devem contar com o preço da taxa de Juros Postecipados em seu planejamento financeiro pessoal

Exemplo de Juros Postecipados

A partir da explicação de como funciona o Juros Postecipados, vale apresentar um exemplo mais concreto de como essa taxa será aplicada e como funcionam os períodos nesse tipo de cobrança. 

Suponhamos que uma pessoa realiza a compra de um relógio por R$ 1.500,00 e resolve parcelar o valor em 10 vezes, com juros de 5% sobre o valor total do objeto. Para saber quanto irá pagar em cada parcela, basta somar os R$ 150,00 com os R$75,00 dos juros. 

Isso significa que a pessoa pagará uma parcela de R$ 225,00 ao longo dos 10 meses. E, já que se trata de Juros Postecipados, não é necessário dar uma entrada ou realizar algum pagamento no início da compra. 

O fluxo de caixa começa a ter saídas a partir do primeiro período. Dessa forma, a primeira parcela é paga após os primeiros 30 dias, a segunda depois de 60 dias, a terceira depois de 90 dias e assim por diante.

Juros Postecipados e Juros Antecipados

Existem diversos tipos de taxa de juros, que são utilizadas de diferentes formas, aplicadas em momentos diferentes, nos vários tipos de investimentos e dívidas. 

Além dos Juros Postecipados, que, como apresentado, ocorre no final da parcela da dívida, existe também os Juros Antecipados. Neste último formato, como o próprio nome já revela, a cobrança ocorre no início do período de contagem

A pessoa que realizou empréstimo de uma quantia de dinheiro, ou parcelou a compra de uma loja, precisa arcar com o pagamento da dívida já no momento inicial da transação. Por isso, o Juros Antecipados também é chamado de “descontos no ato”. 

Esse procedimento de pagar a taxa no momento exato da compra não é tão recorrente quanto o Juros Postecipados. Ele acontece mais em empréstimos de curta duração, quando os juros são cobrados antecipadamente e o dinheiro chega líquido ao devedor. 

Contudo, no geral, os parcelamentos cobram juros no momento posterior ao primeiro período, ou seja, utilizam os Juros Postecipados.