A empresa do setor imobiliário JHSF (JHSF3) registrou queda nas vendas contratadas em incorporação no segundo trimestre ante o mesmo período do ano passado, enquanto as vendas em seus shoppings avançaram, segundo prévia operacional divulgada na segunda-feira.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

As vendas contratadas da JHSF em incorporação somaram 416,5 milhões de reais no período, recuo de 10,3% em relação aos meses de abril a junho de 2021.

As vendas em shoppings da companhia somaram 1 bilhão de reais nos três meses encerrados em junho, uma alta de 42,5% na base anual. Frente a 2019, período pré-pandemia, o aumento foi de 65,2%.

A taxa de ocupação nos shoppings da JHSF ficou em 97,4%, acima de 96,1% no segundo trimestre de 2021. Já o custo de ocupação foi de 8,6%, queda de 1,6 ponto percentual.

No segmento de hotéis, a taxa de ocupação aumentou 13 pontos percentuais, para 48,2%.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da JHSF no Primeiro Trimestre de 2022

O resultado da JHSF (JHSF3) no primeiro trimestre de 2022 (1t22), divulgado no dia 12 de maio, apresentou um lucro líquido de R$ 166,5 milhões no 1t22, uma queda de -13,0% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda ajustado da JHSF atingiu R$ 258,4 milhões no 1T22, apresentando crescimento de 7,1% na comparação com o 1T21.

A margem Ebitda ajustada da JHSF totalizou 56,0% no 1T22, apresentando retração de -6,6 pontos percentuais na comparação com o 1T21. 

A margem líquida da JHSF atingiu 36,1% no 1T22, apresentando retração de -13,6 pontos percentuais na comparação com o 1T21.

As ações da JHSF (JHSF3) acumulam alta de 2,51% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 12,58% nos últimos 12 meses.

Fonte: UOL.