A Itaúsa (ITSA4) informou nesta quinta-feira (01), através de fato relevante, a conclusão do investimento pela Itaúsa na Aegea, conforme previsto no Contrato de Investimentos assinado pela Itaúsa, Aegea Saneamento e acionistas da Aegea.

A participação da Itaúsa na Operação ocorre por meio de subscrição e aquisição de ações ordinárias da Aegea, cujo desembolso no valor total de aproximadamente R$ 1,3 bilhão ocorreu nesta data, e subscrição de ações preferenciais classe D de emissão da Aegea no valor total de aproximadamente R$ 1,1 bilhão, cujo desembolso ocorrerá em meados de julho de 2021.

Como resultado, a Itaúsa passa a deter 10,20% do capital votante, 19,05% das ações preferenciais e 12,88% do capital total da Aegea.

O restante do capital permanecerá com os atuais acionistas controladores da Aegea e o Fundo Soberano de Singapura (GIC).

A Itaúsa emitiu, em 15 de junho de 2021, debêntures não conversíveis em ações para financiar a Operação, sendo a primeira série no montante de R$ 1,2 bilhão, com vencimento em 6 anos e custo baseado na taxa do CDI, acrescida de 1,4% ao ano, e a segunda série, com vencimento em 10 anos e custo baseado na taxa do CDI acrescida de 2,0% ao ano.

A Itaúsa celebrou o Acordo de Acionistas com os demais acionistas da Aegea e passou a ter o direito de indicar um membro para cada um dos seguintes órgãos da Aegea: Conselho de Administração, Comitê de Auditoria, Riscos e Integridade e Comitê de Finanças e Avaliação de Projetos.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Além disso, a Itaúsa poderá indicar, em conjunto com o Fundo Soberano de Singapura (GIC), um membro independente para o Conselho de Administração.

A Itaúsa adiciona ao seu portfólio um ativo que combina taxa de retorno atrativa, alto potencial de crescimento e impacto positivo para a sociedade.

A aquisição dessa participação está alinhada à estratégia de alocação de capital ao reunir parceiros estratégicos com visão de longo prazo e experiência comprovada no setor de atuação.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Resultado da Itaúsa no Primeiro Trimestre de 2021

O resultado da Itaúsa (ITSA4) no primeiro trimestre de 2021 (1t21), divulgado no dia 11 de maio, registrou um lucro líquido recorrente de R$ 2,41 bilhões no 1T21, apresentando crescimento de 123% na comparação com o 1T20.

O resultado recorrente das empresas investidas da Itaúsa atingiu R$ 2,5 bilhões no 1T21, apresentando alta de 95% na comparação com o 1T20.

O resultado financeiro da Itaúsa atingiu um prejuízo de R$ 17 milhões no 1T21, apresentando retração de -55% na comparação com o 1T20. 

As ações da Itaúsa (ITSA4) acumulam queda de 4,86% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 19,37% nos últimos 12 meses.