IPO da Construtora Mitre Realty (MTRE3) Vale a pena?
| , ,

IPO da Construtora Mitre Realty (MTRE3) Vale a pena?

Saiba tudo sobre o IPO da Mitre: datas, preço das ações, pontos fortes, prospecto e se vale a pena participar.

Por
Atualizado em 23/01/2020
Avalie esse texto

A construtora Mitre Realty, que atua na cidade de São Paulo em bairros de Classe média e Classe alta,  abrirá capital na bolsa de valores do Brasil, mas será que vale a pena?

O IPO-Oferta Pública Inicial de Ações (Da sigla em inglês, Initial Public Offering), é o lançamento das ações de uma empresa no mercado.

Dessa forma, a incorporadora e construtora Mitre decidiu participar da bolsa de valores abrindo seu capital na B3 (Bolsa, Brasil, Balcão).

A estréia da Mitre Realty na Bovespa está prevista para 5 de fevereiro de 2020, devendo levantar aproximadamente R$ 1 bilhão.

Além da Mitre, acontecerá no primeiro mês do ano o IPO da Locaweb (LWSA3).

Leia o artigo até o final e descubra se o IPO da Mitre Vale a Pena : veja os prazos, riscos, prospecto e como participar.

Data do IPO da Mitre

Confira abaixo o calendário (resumido) com as datas do IPO da Mitre.

#EventosData
1Registro de Oferta na CVM06/12/2020
2Aviso ao Mercado e disponibilização do prospecto preliminar13/01/2020
3Início do Período de Reserva do Varejo21/01/2020
4Encerramento do Período de Reserva Pessoas Vinculadas23/01/2020
5Encerramento do Período de Reserva31/01/2020
6Encerramento do Bookbuilding.Fixação do Preço por Ação.03/02/2020
7Início de negociação das ações no novo mercado05/02/2020
8Data de Liquidação06/02/2020
Banner will be placed here

Preço das Ações da Mitre

O preço das ações da Mitre (MTRE3) será definido após a conclusão do processo de Bookbuilding.

Processo que apresenta a função de encontrar um preço justo para as ações através da análise da demanda pelos papéis feita por um coordenador junto aos investidores institucionais.

O preço por ação estará a um intervalo de R$ 14,30 à R$ 19,30, podendo, no entanto, ser fixado acima ou abaixo deste intervalo de preço.

A definição do preço das ações MTRE3 está previsto para 4 de fevereiro de 2020.

O que é a Empresa Mitre

A Mitre Realty é uma incorporadora e construtora com foco único na cidade de São Paulo, e exclusivo em bairros de Classe média e Classe alta.

No próprio prospecto a companhia diz que não atua no segmento Minha Casa Minha Vida, e que não analisa bairros periféricos. 

Dependendo do bairro e do potencial do valor do metro quadrado a ser vendido, a companhia tem as suas operações divididas em duas unidades.

O MITRE Raízes, mais focado na Classe Média, e o Haus MITRE, focado na Classe Alta, onde o metro quadrado construído chega a ser vendido entre R$ 10 mil e R$ 15 mil o m2. 

Dentre as vantagens competitivas que ela cita, estão quatro em especial que eu gostaria de mencionar:

  1. A plataforma de vendas com inúmeros corretores cadastrados e que vem crescendo desde 2014, já responsável por 73% das vendas;
  2. Programa de premiação e retenção de valores chamado MITRE Partners: prestadores de serviços, empregados, colaboradores, diretores e administradores da companhia podem ganhar participação na empresa, se desempenharem bem seus papéis e permanecerem na companhia por um período prolongado;

    Na data da emissão conta com 7,3% da empresa;
  3. Pagamento dos terrenos após da aprovação dos projetos na Prefeitura de São Paulo em 87% dos casos;
  4. Entrega antecipada de 100% das obras com aceitação das chaves na primeira vistoria em mais de 90% dos casos.

Quais as Melhores Small Caps de 2020? Clique Aqui e Baixe Grátis o Relatório com a Melhor Small Cap para 2020.

Qual o Objetivo do IPO da Mitre

O Objetivo do IPO da Mitre é aproveitar o ciclo de alta demanda na cidade de São Paulo e acelerar o ritmo de lançamentos, com o objetivo de alcançar R$ 1,5 bilhão de lançamentos em 2023. 

Os recursos líquidos provenientes da Oferta Primária serão destinados para seguintes áreas da empresa:

  1. Aquisição de terrenos; 
  2. Custos de Construção; 
  3. Despesas Administrativas, de Vendas e Gerais.

A companhia informa que hoje já possui um banco de terrenos com potencial construtivo de R$ 4,6 bilhões e que deve ser suficiente até 2023.

Mesmo assim a principal destinação de recursos da companhia será para adquirir novos terrenos, visando a valorização futuro dos preços de venda dos imóveis.

A estratégia da Mitre como pode se ver está bem desenhada, mas ela é a mesma das empresas:

E até mesmo da estratégia futura de empresas que devem começar a lançar com mais força em 2020:

Riscos do IPO da Mitre

Como a cidade de São Paulo está adiantada no processo de recuperação, todas as construtoras citadas acima estão com o foco de construir em São Paulo.

No início será ótimo com grande velocidade de venda, mas sabemos que em algum momento a demanda vai arrefecer, e a quantidade de lançamentos será muito maior que o mercado pode absorver. 

Outro risco que eu enxergo nessa estratégia, é que o acionista da MITRE estará exposto ao Risco apenas da Cidade de São Paulo.

Analisando hoje, parece um potencial de retorno atrativo e interessante, mas a economia é cíclica e sabemos que empresas expostas a uma região apenas possuem volatilidades maiores em seus resultados, por mais bem geridas que sejam. 

O terceiro risco que vejo na emissão é na perda do controle acionário

A companhia está propondo emitir 45.454.545 novas ações com preço da faixa indicativa entre R$ 14,30 e R$ 19,30.

Se a oferta base for concluída, os acionistas minoritários terão cerca de 44% da companhia e os controladores (família MITRE) terá aproximadamente 56%. 

No entanto, caso a demanda seja muito grande e a companhia prefira vender o lote adicional e o lote suplementar, teríamos 56,20% de ações em circulação e 43,80% de ações nas mãos dos controladores atuais.

Ou seja, o controle será perdido. 

Esse controle pulverizado traz um risco adicional porque os bancos credores de empréstimos atuais podem cobrar a antecipação das dívidas da MITRE.

Sim, R$ 123,5 milhões teriam que ser pagas à vista, e para isso seria usada parte dos recursos captados na oferta. 

Veja a imagem abaixo da destinação de recursos, caso isso ocorra:

IPO da Mitre Realty: destino dos recursos financeiros.
IPO da Mitre Realty: destino dos recursos financeiros. Fonte: Prospecto.

Os dados operacionais e financeiros da companhia podem ser acompanhados na imagem abaixo:

IPO da Mitre Realty: dados operacionais financeiros
IPO da Mitre Realty: dados operacionais financeiros. Fonte: Mitre.

Acima vemos que a companhia saiu de prejuízo líquido para lucro líquido de 2017 para o ano de 2018.

Isso ocorreu por dois motivos principais:

  • Crescimento das vendas e com isso das Receitas de Vendas das unidades que dilui despesas fixas como as administrativas
  • Aumento das margens Brutas, que saíram de 29% para 35%.
    Embora a empresa não diga, isso deve ser efeito de vendas de estoques concluídos com margens menores e recuperação de preços dos novos lançamentos.

Após a emissão das novas ações, considerando apenas a oferta base, e comparando com outras empresas do setor, vemos que a MITRE seria a mais barata no indicador PVPA (Preço / Valor Patrimonial).

Dentre aquelas que estão apresentando bons resultados e que constroem em São Paulo.


Preço AçãoP/VPA
MTRE316,802,19x
MTRE319,302,24x
TRIS313,362,80x
EZTC358,533,50x
EVEN318,472,10x
CYRE333,612,40x
TCSA32,161,60x

Fonte: GuiainvestPro e Mitre – Elaborado por Dica de Hoje Research.

Comparando com outras empresas do setor, a MITRE ainda pode crescer em torno de 3% o seu lucro líquido e sua Margem Ebitda ajustada. 

De acordo com as nossas projeções e adotando premissas bem otimistas em que a Receita da Companhia sobe 70% em 2020 e mais 50% em 2021.

O lucro líquido projetado saindo de R$ 35 milhões em 2019 para R$ 105 milhões em 2021, tanto pelo aumento de receita como pelo ganho de margens, a companhia iria operar com PL (Preço / Lucro) de 14,77x em 2021.

Como Participar do IPO da Mitre

Para participar do IPO da Mitre, você precisa inicialmente de uma conta em uma corretora de valores.

Posteriormente, realize a sua reserva através da corretora, e defina o preço que está disposto a pagar pelas ações MTRE3.

Logo após aguarde a data da liquidação financeira.

IPO da Mitre Vale a Pena

Considerando que o ciclo de crescimento da construção ainda está no começo depois de uma grande compressão vista neste segmento no PIB de 2014 a 2018, e considerando que a Cidade de São Paulo está na vanguarda deste movimento nacional, e que a MITRE está inserida neste contexto.

Recomendamos participar da emissão com preço limite de R$ 17,00.

Neste valor o Preço / Lucro projetado para 2021 será de aproximadamente 15x.

Para maiores informações sobre os cálculos, projeções e outros riscos inerentes a esta oferta fizemos um relatório maior para assinantes, clique aqui e conheça nosso Plano Dica de Hoje Ações.

Você já conhece a estratégia Double Yield para Fundos imobiliários? A estratégia que dobra os seus rendimentos mensais com uma classe de ativos? Curso Dominando Fundos Imobiliários

Abraços e Bons Investimentos
Daniel Nigri – analista CNPI 1810

Prospecto do IPO da Mitre Realty

O analista Daniel Isaac Nigri – analista CNPI 1810 é o responsável pelas informações contidas neste relatório de valores mobiliários.

Declaro que a análise e a minha precificação foi toda realizada a partir de informações públicas e disponíveis para todo o público em geral.

Declaro ainda que o risco de qualquer investimento é do próprio investidor. Então estude sempre antes de investir. 

Disclaimer: Declaro que as informações contidas neste texto são públicas e que refletem única e exclusivamente a minha visão independente sobre a companhia, sem refletir a opinião do The Capital Advisor ou de seus controladores.

Avalie esse texto

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais