Aqui quem fala é Marcel Reis, especialista em Fundos Imobiliários que estará com você toda semana na editoria Aluguel Sem Imóvel.

A partir de hoje estaremos juntos para falar mais sobre estratégias com fundos imobiliários (FIIs).

Quero que você se sinta acolhido aqui nesse espaço para que possamos construir uma relação duradoura e, mais do que isso, para que o conteúdo transmitido aqui tenha impacto financeiro real e positivo na sua vida.

E dito isso, já peço desculpas por uma intromissão…

Vou ter que pedir licença para “meter a colher” no seu relacionamento e na sua vida pessoal. 

Mas é por uma boa causa, prometo. É pelo seu bem.  

Somente vou falar o necessário para que você evite alguns erros que já cometi também.

Quais os Melhores FIIs para 2022? Clique Aqui e Receba Dinheiro na Sua Conta Todos Meses.

Não encare o compartilhamento de ideias de investimentos com o seu parceiro(a) como se fosse algo que o outro não deve saber, uma vez que ele(a) nada irá contribuir para uma estratégia que está na sua cabeça. 

É de um egoísmo e de uma soberba enorme achar que o outro não possa contribuir somente por não acompanhar as notícias de investimentos ou por não saber como funciona um Fundo Imobiliário

Mesmo alheia a um determinado assunto, o papel da pessoa pode ser muito mais relevante em uma área que você deve estar negligenciando nesse momento: a psicologia financeira.

Quando digo psicologia, estou me referindo ao viés cognitivo dos investimentos, o controle emocional e a disciplina de aportes, por exemplo. 

Para mim, esses dois fatores são fundamentais para que a sua carteira de investimentos tenha um resultado consistente ao longo do tempo.

Talvez até mais importante do que a própria escolha dos ativos.

Ao dividir com o outro os seus pensamentos, você tem a possibilidade de ouvir algum insight que poderá ajudá-lo nessa construção, além de trazer para o seu lado o comprometimento de outra pessoa também. 

Não falo apenas sobre os investimentos em FIIs, mas sobre todo esse processo de investir.

Converse e mostre a importância do que você quer construir. Pessoalmente, isso já me ajudou demais. 

E se houver contratempos, terá alguém para te lembrar dos objetivos do futuro

Metas feitas em conjunto para usufrutos do casal possuem raízes profundas. 

Investir é uma jornada. E caminhar sozinho é sempre muito solitário.

Muitos não dão a devida importância aos aportes recorrentes, dos pequenos esforços com consistência. 

É muito fácil encontrar qualquer um por aí que investe e espera que o seu investimento se valorize em 10%, 20%, 30% em um mês. 

Quais os Melhores FIIs para 2022? Clique Aqui e Receba Dinheiro na Sua Conta Todos Meses.

Achar esse momento exato é muito difícil. 

Não existe isso de acertar timing.

Por isso, meu apelo nessa primeira editoria, é para você ter um parceiro de investimento, que não necessariamente precisa ser um cônjuge, mas sim alguém que você possa criar uma espécie de mutualismo ao longo da jornada.

Isso é que vai ajudar você a investir todo mês e é isso que tornará o processo muito mais simples e rentável no longo prazo

Dessa maneira, você consegue aproveitar os vários momentos do mercado, seja de alta ou de baixa. 

E o melhor de tudo: você passa a não pensar tanto no preço do ativo, mas sim na sua capacidade de gerar valor para o futuro. 

Aí, é que você vira a chave para o longo prazo.

Se você estiver bem em dia com o seu psicológico, é meio caminho andado.

O restante do caminho você pode contar com a minha ajuda para selecionar os Fundos Imobiliários para você.