O que é IFMM

IFMM significa Índice de Fundos Multimercados (sendo também conhecido como Índice de Hedge Funds) e é um indicador atualizado trimestralmente no 1° dia dos meses de janeiro, abril, julho e outubro. É produzido pelo banco de investimentos BTG Pactual. 

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Objetivo do IFMM 

Por ser um índice, seu objetivo é representar as oscilações e fornecer uma base a ser utilizada para a comparação entre os mais diferentes fundos multimercados que estão presentes no mercado financeiro brasileiro. 

O IFMM demonstra o desenvolvimento dos fundos multimercados e cria parâmetros para que os investidores e analistas possam comparar a performance da sua carteira de fundos multimercados com o IFMM a fim de definir estratégias e decisões mais seguras e assertivas. 

Critérios de participação no IFMM

Existe uma série de requisitos que devem ser atendidos pelos fundos multimercados que pretendam ingressar no cálculo do IFMM. A seguir apresentamos os todos os critérios de participação no índice:

  • É necessário que o fundo esteja cadastrado na ANBIMA (Associação Brasileira de Entidades dos Mercados Financeiros e de Capitais);
  • O fundo deve possuir um histórico mínimo de 12 meses contados a partir do 5° dia útil anterior à data de rebalanceamento do índice;
  • O administrador do fundo deve informar diariamente a cota e o patrimônio líquido à base de dados mantida pela ANBIMA;
  • O fundo deve estar cadastrado na base de dados da ANBIMA com suas informações disponibilizadas até o 5° dia útil anterior à data de rebalanceamento do índice;
  • O fundo deve ter um patrimônio médio para uma janela de 3 meses contados à partir do 5° dia útil à data de rebalanceamento do índice que seja acima de 25 milhões de reais para poder entrar no índice;
  • O fundo não deve estar cadastrado como exclusivo na base de dados da ANBIMA ou ser de acesso exclusivo a um único gestor;
  • O fundo não pode ser um FIQ (Fundo de Investimento em Quotas);
  • O fundo não pode ser um “fundo espelho”, ou seja, que reproduza a estratégia de outro fundo;
  • Também é necessário que o fundo esteja aberto para novas aplicações até pelo menos o 5° dia útil anterior à data do rebalanceamento do índice.

Atendendo todos os critérios apresentados, o fundo multimercados se torna elegível e passa a compor o cálculo trimestral realizado pelo IFMM.

Cálculo do IFMM

Para a realização do IFMM, primeiramente calcula-se o patrimônio líquido (PL) de cada fundo, contados a partir do quinto dia útil anterior à data de rebalanceamento do índice, chegando ao “PL Médio''.

Em seguida, os PLs Médios são ordenados de forma decrescente e atrelados à parcela de participação de cada fundo no mercado.

Com essa metodologia de cálculo é possível que o índice represente uma parcela significativa do mercado de fundos multimercados, listando 75% de seu total. 

A apresentação do IFMM demonstra que é um índice de metodologia confiável e cumpre seu objetivo em traduzir a performance geral do mercado, assim como discriminar a participação individual de cada fundo que compõe o seu portfólio. 

Fundos multimercados 

Os fundos multimercados possuem como maior característica a versatilidade. São fundos que investem nos mais diferentes ativos e através de diferentes estratégias de prazo escolhidas pelo gestor do fundo. 

Através de uma escolha de aplicação bastante ampla, investem em classes de ativos diversificadas (como ativos de renda fixa, ativos de renda variável e moedas) visando lucrar nas mais diferentes situações que o mercado possa apresentar.

Ou seja, visam lucrar mesmo nas flutuações do mercado.

Para isso, o IFMM é uma excelente ferramenta de avaliação para os fundos multimercados, pois oferece um referencial seguro e confiável para a obtenção de um panorama do mercado.