Ibovespa se livra de Circuit Breaker e fecha com queda de -7,0%
| ,

Ibovespa se livra de Circuit Breaker e fecha com queda de -7,0%

Ibovespa se livra de Circuit Breaker e fecha com queda de -7,0%. Veja as últimas sobre o Boletim Focus, Dividendos da Natura, e outras.

Por
Atualizado em 26/02/2020
Avalie esse texto

Na volta após o carnaval, o Ibovespa operou em baixa, nesta quarta-feira (26) fechando com queda de -7,00% nos 105.718 mil pontos.

Na tarde da sessão de hoje, o índice chegou nos 105.052 mil pontos alcançando sua mínima do dia.

Na máxima, o principal índice da B3 chegou nos 113.646 mil pontos.

A movimentação financeira no dia foi de R$ 28,8 bilhões.

Mercado financeiro

A Natura Cosmèticos S.A. (NTCO3) realizará nesta quarta-feira (26), o pagamento de juros sobre o capital próprios referentes ao período de 1.º de janeiro de 2019 a 31 de outubro de 2019.

Sendo distribuídos R$ 110,6 milhões, equivalentes ao valor bruto de R$ 0,12784527353 por ação.

Nesta quarta-feira (16), as ações que compõem o Ibovespa operaram com grandes quedas, logo as ações da GOL (GOLL4) da apresentaram o pior desempenho no dia.

Fechando a sessão de hoje com queda de -14,31% cotada á R$ 28,98.

Quais as Melhores Small Caps de 2020? Clique Aqui e Baixe Grátis o Relatório com a Melhor Small Cap para 2020.

Noticiário corporativo

A Cyrela Brazil Realty S.A. (CYRE3) informou recentemente ao mercado que a Cury Construtora e Incorporadora S.A. (“Cury”), apresentou à CVM pedido de registro como emissora de valores mobiliários, e de oferta pública inicial de distribuição primária e secundária das ações de sua emissão.

Em nota a companhia afirmou que o acesso da Cury ao mercado de valores mobiliários, por meio do Pedido de Registro e da realização da oferta, poderá favorecer suas atividades.

Visto que, a Cyrela é acionista com participação correspondente a 48,25% da Cury.

Noticiário econômico

O Banco Central (BC) divulgou nesta quarta-feira (26), o Boletim Focus com as medianas das expectativas de mercado.

Para 2020, a inflação medida pelo IPCA apresentou retração, passando de 3,22% para 3,20%.

O Banco Central reduziu sua estimativa para 2,20%, para o crescimento da economia medido pelo Produto Interno Bruto (PIB).

Logo, a taxa de câmbio apresentou crescimento com uma estimativa de fechar 2020 em R$ 4,15.

E a meta para a taxa Selic permaneceu em 4,25%.

Noticiário político

Nesta quarta-feira (26), os senadores reagiram à notícia de que o presidente Jair Bolsonaro teria compartilhado via WhatsApp um vídeo convocando a população para atos contra o Congresso Nacional previstos para o dia 15 de março.

Noticiário internacional

O cenário externo segue em cautela nesta quarta-feira (26), diante da preocupação com o coronavírus.

Na China, o Banco Central realizou uma videoconferência nesta quarta-feira (26) para implantar apoio financeiro a pequenas, médias e micro empresas, com o intuito de contribuir para a retomada da produção na China.

De acordo com o governo chinês, foi fixada uma taxa de juros para pequenos empréstimos de refinanciamento correspondente à 2,5%.

Bolsas mundiais

Confira o desempenho das principais bolsas mundiais desta quarta-feira (26).

Ásia

Nikkei fechou com variação de (-0,79%) nos 22.426 mil pontos.

Kospi fechou com variação de (-1,28%) nos 2.076 mil pontos.

Hang Seng fechou com variação de (-0,73%) nos 26.696 mil pontos.

Europa

FTSE 100 fechou com variação de (+0,35%) nos 7.042 mil pontos.

CAC 40 fechou com variação de (+0,09%) nos 5.684 mil pontos.

DAX fechou com variação de (-0,12%) nos 12.774 mil pontos.

Estados Unidos

Nasdak fechou com variação de (+0,17%) nos 8.980 mil pontos.

S&P 500 fechou com variação de (-0,38%) nos 3.116 mil pontos.

Dow Jones fechou com variação de (-0,46%) nos 26.957 mil pontos.

Dólar

Nesta quarta-feira (26), o dólar comercial operou em alta fechando com variação positiva de 1,15%.

Para a compra, a moeda norte-americana terminou o dia cotada a R$ 4,4434 e, para a venda em R$ 4,4441.

Na mesma direção, o dólar futuro para março fechou com variação positiva de 1,30% em R$ 4,448.

Banner will be placed here

Maiores Altas Bovespa

As empresas que fecharam com maiores altas no Ibovespa hoje:

Empresa (ticker)PreçoOscilação

Quer Investir em Boas Ações? Clique Aqui e Baixe Grátis o Relatório com as 3 Ações para Investir por 10 Anos.

Maiores Baixas Bovespa

As empresas que fecharam com maiores baixas no Ibovespa hoje:

Empresa (ticker)PreçoOscilação
GOLL433,82-15,00%
AZUL455,65-13,51%
GOAU49,08-12,56%
CSNA313,13-12,03%
JBSS325,98-11,12%

Indicadores Econômicos

Ibovespa-7,00%
S&P500-0,38%
DólarR$ 4,45
Bitcoin-0,77%
IPCA0,21%
IGP-M0,48%
CDI4,15%
Selic4,25%
Poupança0,24%

Avalie esse texto

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais