No cenário norte-americano, os índices futuros das principais bolsas operam em alta nesta terça-feira (19), recuperando parte das perdas do dia anterior, com os investidores acompanhando a divulgação dos lucros corporativos.

Os investidores também estão digerindo os dados da Associação Nacional de Construtores de Casas, que mostrou que o sentimento do construtor caiu 12 pontos para 55 pontos em junho, alcançando o seu nível mais baixo desde o início da pandemia.

O rendimento do Tesouro de 10 anos dos Estados Unidos alcançou os 2,98%, com o mercado precificando um aumento na taxa de juros. Às 7h55 (horário de Brasília), o índice futuro de Dow Jones subia 0,66%, S&P 500 valorizava 0,84% e Nasdaq subia 0,88%.

Na Europa, os principais benchmarks operam de forma mista, com o mercado acompanhando a divulgação dos lucros das empresas americanas e os dados econômicos da Zona do Euro.

A inflação da Zona do Euro acelerou para 8,6% em junho, impulsionada pelos maiores preços da energia. Às 8h06 (horário de Brasília), o índice IBEX 35 valorizava 1,14%, CAC 40 caia -0,10% e Euro Stoxx 50 desvalorizava -0,05%.

Na Ásia, as principais bolsas fecharam em leve baixa, com os investidores avaliando a performance das empresas americanas em meio a uma economia enfraquecida, e digerindo o aumento de casos de Covid-19 em Tóquio.

De acordo com o governo metropolitano de Tóquio, foram confirmados nesta terça-feira (19), cerca de 11 mil novos casos de coronavírus. O Kospi caiu -0,18% aos 2.370,97 pontos, o China A50 desvalorizou -0,63% aos 14.143,57 pontos e o Shanghai subiu 0,04% nos 3.279,43 pontos.

No Brasil, o Ibovespa futuro com vencimento em agosto, opera em alta de 0,42% nos 98.044 pontos na manhã desta terça-feira (19), com o mercado acompanhando a temporada de lucros no exterior e os dados eleitorais no país.

No mercado de juros futuros, a tendência é de baixa, com os contratos futuros de DI desvalorizando. Às 9h21 (horário de Brasília), o DI futuro para janeiro de 2023 cai -0,02 ponto a 13,89%, o DI futuro para janeiro de 2024 cai -0,07 ponto a 13,93% e o DI futuro para janeiro de 2025 cai -0,07 ponto a 13,32%.

No campo político, o Partido Novo protocolou, na última segunda, uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) questionando a Emenda Constitucional 123/2022, decorrente da PEC dos Auxílios (PEC 1/2022), promulgada pelo Congresso Nacional na semana passada.

Em outros mercados, os preços do petróleo operam em baixa nesta terça-feira, em meio as preocupações com o crescimento econômico. Às 8h30 (horário de Brasília), o petróleo tipo Brent caia -1,81% para US$ 104,35 o barril.

Agenda Econômica do Dia

Nos destaques econômicos dos Estados Unidos, no dia de hoje (19), às 09h55 o mercado aguarda a divulgação do Índice Redbook.

Na agenda doméstica, o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV IBRE) divulgou nesta terça-feira (19), que a inflação medida pelo IPC-S desacelerou para 24,0% na segunda quadrissemana de julho de 2022.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV IBRE), o IPC-S desacelerou nas 7 capitais pesquisadas.

Dólar

O dólar comercial iniciou a sessão desta terça-feira (19), com viés de baixa de -0,26%, a R$ 5,412.

Pouco depois das 9h00 (horário de Brasília), o dólar era negociado aos R$ 5,411 para compra, e aos R$ 5,412 para venda.

A moeda norte-americana acumula uma valorização de 3,08% no acumulado de julho e uma baixa de -2,79% no acumulado de 2022.

Melhores Ações para 2022: Encontre as Melhores Ações para Investir com Apenas 1 Clique.

Indicadores Econômicos

Confira os principais indicadores econômicos hoje:

IndicadorValor
DólarR$ 5,412
IPCA+0,67%
IGP-M+0,59%
CDI+0,540731%
Selic+13,25%
Poupança+0,663900%

Como Acompanhar o Mercado Financeiro? Baixe o Aplicativo com Análises de Especialistas

Preços das Criptomoedas Hoje

O valor de mercado global de criptomoedas agora é de US$ 1,02 trilhão, uma queda de -0,11% em relação ao último dia, de acordo com dados do CoinMarketCap.

O Bitcoin (BTC) foi negociado entre US$ 21,395 mil e US$ 22,957 mil nas últimas 24 horas. A partir das 09:42 (UTC) de hoje, o BTC está sendo negociado a US$ 21,910 mil, uma queda de -1,54%.

A maioria das principais criptomoedas por valor de mercado são negociadas de forma mista. Os destaques do mercado incluem YGG , MBL e FTM , com alta de 31%, 29% e 16%, respectivamente. Veja as cotações das principais criptomoedas hoje do Mercado:

IndicadorPreço24h7dCapitalização
BitcoinUS$ 22.015,70-0,8%+10,1%US$ 420,5 B
EthereumUS$ 1.543,13+4,0%+40,7%US$ 184,4 B
Binance CoinUS$ 261,13+0,0%+15,6%US$ 42,7 B
SolanaUS$ 45,24+8,2%+35,3%US$ 15,6 B

Qual Criptomoeda Comprar Hoje? Baixe Grátis o Relatório da Criptomoeda Promissora para 2022.

Commodities

Confira os números das principais commodities hoje:

CommodityValor (US$)Oscilação
Ouro1.714,70+0,26%
Prata18,797-0,23%
Cobre3,3040-1,26%
Petróleo WTI97,42-2,01%
Petróleo Brent104,35-1,81%

Não deixe de acompanhar diariamente o Morning Call TheCap no seu celular, baixe o aplicativo do mercado financeiro gratuitamente agora!

Assim fechamos mais um Morning Call, bons investimentos a todos!

Informe o DDD + 9 dígitos