As ações da Hypera (HYPE3) dispararam hoje na bolsa de valores, chegando a subir mais de 6% após o resultado da Hypera do 2T20 apresentar lucro de R$ 396 milhões.

A Hypera é uma empresa de produtos onipresentes nas prateleiras das farmácias brasileiras.

Ao entrar em uma farmácia, para onde você olhar haverá pelo menos um produto (senão vários) dela ao seu redor.

Marcas de produtos isentos de prescrição como Apracur, Benegrip, Coristina D, Engov (quem nunca né?), Epocler, Estomazil.

Remédios como Predsim, Celestamine, Maxsulid, Diprospan, os genéricos e similares como Torsilax, Neosoro, Doralgina, Flavonid, Histamin todos estão entre os produtos da Hypera.

Ela está para os medicamentos como a Ambev (ABEV3) está para as bebidas.

É o paraíso dos hipocondríacos.

Feitas as devidas apresentações, vamos falar do que nos interessa nesse texto: a perspectiva do investidor da empresa.

O GI Score da Hypera (HYPE3), que avalia qualidade da empresa, dando uma nota de 0 a 100, apresenta uma das maiores pontuações entre todas empresas listadas na plataforma do GuiaInvest.

Já o GI Line da Hypera (HYPE3), que avalia o potencial de retorno, igualmente dando uma nota de 0 a 100) também apresenta uma das maiores pontuações entre todas as empresas.

Tanto GI Score e GI Line são indicadores da Ferramenta GIPRO do GuiaInvest, que facilitam a avaliação do investidor ao juntar em uma nota só, diversos fatores analisados para considerar a qualidade e potencial de retorno de uma ação.

Essas altas pontuações foram ratificadas com a divulgação de seu resultado até o segundo trimestre deste ano.

Era de se esperar um resultado ruim, afinal tivemos uma crise sem precedentes que impôs mudanças e dificuldades na vida de todos, pessoas e empresas.

Acontece que a Hypera (HYPE3) surpreendeu e mostrou resultados (em quase todas as métricas) superiores ao mesmo período do ano passado.

Os resultados vieram superiores em vários indicadores, como por exemplo:

E menores (onde quanto menor, melhor) na linha de Despesas com Vendas, Gerais e Administrativas.

A sua dívida bruta aumentou bastante no segundo trimestre em função de uma emissão de debêntures para o pagamento pelo portfólio de medicamentos a ser adquirido de concorrentes.

Outro fator foi a contratação de empréstimos, que toda empresa diligente e capaz fez para reforçar seu caixa em caráter preventivo para passar pelas dificuldades que a pandemia poderia impor.

Antes que pense que ela está altamente endividada, saiba que ela possui dinheiro em caixa para quitar completamente suas dívidas e ainda sobra um “troco” de R$ 371 milhões.

Portanto a empresa está confortavelmente capitalizada para o que precisar neste momento.

Você e eu, que gostamos de dividendos, temos na Hypera uma nova candidata a boa pagadora de dividendos

Ela só não está na carteira da Seleção de Dividendos, pois ela ainda não tem tradição como boa pagadora ao longo dos anos que passaram.

Se bem que de 2017 até agora ela vem apresentando melhoras neste sentido.

Seu Dividend Yield, por volta de 4%, não é lá o melhor do mundo, mas no contexto de formação de portfólio, ter uma empresa que não sejam os clássicos banco, elétricas, saneamento, telefonia ela pode fazer sentido.

Está em observação e pode vir a fazer parte do portfólio da carteira Seleção de Dividendos.

Veremos.

Como Começar Investir? Baixe Grátis o Livro Digital "Como Começar a Investir do Zero".