O que é Home Equity
SIMULE AGORA

Home Equity

O que é Home Equity. Entenda melhor o conceito de Home Equity e descubra sua importância!

O que é Home Equity

Home Equity é uma linha de crédito de garantia com prazos mais baixos e juros menores, muito utilizada em países como Estados Unidos e Europa. 

Home Equity pode ser traduzido como empréstimo com imóvel de garantia e é utilizado no Brasil com a finalidade de pedir um empréstimo a uma instituição financeira e poder pagar parcelado. 

O Home Equity pode ser utilizado tanto para pessoas físicas quanto para pessoas jurídicas, ou seja, empresas. 

Banner will be placed here

Como funciona o Home Equity

Diferente de outras modalidades de crédito no Home Equity, a pessoa interessada deve oferecer um imóvel quitado em seu nome como garantia de pagamento do empréstimo, mas o interessado não precisa dizer o destino do empréstimo. 

A forma de empregar o dinheiro emprestado é de livre escolha do devedor. Outra vantagem está no custo baixo impulsionado pelos juros mais baixos comparados a outras linhas de crédito. 

Durante o processo de Home Equity o proprietário do imóvel passa a instituição financeira o direito à propriedade, ou seja, coloca o imóvel no nome da instituição até que todo o empréstimo seja quitado. Esse processo é chamado de alienação fiduciária

Com isso, as chances de calotes são mais baixas e assim a instituição financeira consegue negociar juros mais baixos e melhores facilidades de pagamento. 

Diferença entre Home Equity e Hipoteca

Apesar de ambos serem linha de crédito, a principal diferença está no processo de alienação fiduciária. Conforme vimos no Home Equity há esse processo e na hipoteca no Brasil geralmente, não há o processo de transferência do nome da propriedade. 

Nesse contexto, a hipoteca acaba recebendo maiores juros no Brasil e muitas vezes não é utilizada por conta das dificuldades encontradas pelas instituições financeiras em caso de não cumprimento dos acordos. 

Na hipoteca, quando um empréstimo não é pago a instituição financeira tem que recorrer a justiça brasileira para tentar reaver o imóvel como garantia. Esse processo é demorado e há chances de perda das ações judiciais

Em contrapartida, no Home Equity como a transferência é feita logo no início do acordo de empréstimo, a instituição financeira não necessita de ações judiciais em caso de não quitação, o que simplifica o processo como um todo. 

Ricos do Home Equity

Há riscos em casos de não cumprimento do acordo de empréstimo, pois o devedor poderá até perder o imóvel caso não negocie sua dívida. 

Em geral, os valores das parcelas do empréstimo de Home Equity podem variar entre 25% a 30% da renda total do devedor, caso contrário o devedor tende a se endividar.  

O que ressalta a importância de um bom planejamento financeiro pessoal, com o objetivo de monitorar e controlar melhor os gastos do devedor de forma que consiga quitar as parcelas do financiamento. 

Sendo assim, o imóvel estará protegido e o devedor poderá ter novamente a propriedade no final do contrato de empréstimo.

Usos do Home Equity 

Conforme já mencionado, o empréstimo de Home Equity pode ser destinado para toda e qualquer atividade

Nas empresas é utilizado, por exemplo, para quitar dívidas com juros mais altos, investimento em expansão de operações, investimento em contratação, em novas tecnologias e até mesmo na compra de propriedade e maquinários, entre outros.

Para as pessoas físicas o Home Equity pode ser uma solução para quitar dívidas com juros mais altos, realizar viagens, investir em formação e capacitação e entre outros tantos motivos. 

Pode também ser uma estratégia de empréstimo para quem deseja empreender e ainda não tem o capital de giro necessário para começar. 

Vale ressaltar que como qualquer outra linha de crédito é importante que o interessado analise e pesquise as melhores opções que se enquadram em seu perfil de consumo e de risco.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE