O que é High Yield

High yield é um termo que identifica o grau de confiança de um tipo de investimento de renda fixa com alta rentabilidade, porém com maiores riscos comparados a outros. 

O high yield é o nome dado aos títulos de renda fixa, são chamados assim os títulos com baixa qualidade de crédito. Em outras palavras, esses títulos têm maior probabilidade de calote e por isso possuem maior rentabilidade. 

Os títulos de high yield são mais arriscados que os títulos públicos e de empresas consolidadas, pois são emitidos por empresa como meio de arrecadar recursos investimentos em projetos internos, o que aumenta as possibilidades de endividamento. 

Ficou na Dúvida Sobre Investimentos? Baixe Grátis o Dicionário do Investidor.

Como funciona o high yield

Existem algumas instituições especializadas em analisar e identificar o grau de risco de alguns tipos de investimentos. Com isso, é publicado e divulgado o rating que é a classificação desses investimentos de acordo com seu grau de confiança de crédito. 

Um investimento pode ser classificado com alto grau de confiança, com a sigla AAA os melhores classificados e D são identificados os piores investimentos da análise de crédito

No caso, os investimentos chamados de high yield são considerados de pouca confiança

Entretanto, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) estabelece que todo e qualquer investimento deve divulgar de forma clara a relação dos riscos, o que ajuda o investidor a tomar decisões mais conscientes. 

A classificação pode variar de um ano para outro, pois depende de uma série de parâmetros, como as condições do mercado e o pagamento de dívidas anteriores. 

Por isso, antes de tomar uma decisão de investimento, vale a pena analisar os relatórios e as classificações emitidas pelas instituições de análise de crédito mais reconhecidas como as Standard and Poor’s, Moody’s e Fitch todas norte americanas. 

Desde a década de 80 há uma crescente emissão de títulos considerados high yield, um dos principais motivos desse movimento é a necessidade cada vez mais alarmante de investir em novas tecnologias, financiar fusões e aquisições

A maior parte das empresas que recorrem à emissão de títulos de high yield procuram recursos financeiros para financiar seu capital de giro ou consolidar e quitar linhas de crédito bancário. 

Vantagem do high yield

No mundo financeiro quanto maior o grau de exposição ao risco de um investimento maior é sua rentabilidade e os investimentos de high yield não foge a regra. 

A rentabilidade dos títulos de high yield são mais atrativas comparadas aos demais títulos de renda fixa como é o caso do tesouro direto, outros títulos públicos e títulos de empresas mais consolidadas. 

Outro ponto de grande vantagem desse tipo de investimento está na diversificação da carteira, sendo mais uma alternativa para os investidores interessados em aplicar na renda fixa. 

Existe também a vantagem de ter rendimentos similares ao mercado de ações, porém não sofrendo com a volatilidade que esse mercado enfrenta.

Outra vantagem observada são os preços dos títulos de high yield que são muito mais acessíveis e existe uma expectativa grande de que a maior parte dos títulos honre seus compromissos. 

Desvantagem do high yield

A principal desvantagem desse tipo de investimento está na exposição ao risco. Diferente dos outros títulos como o tesouro direto, os títulos de high yield não contam com o FGC (Fundo Garantidor de Crédito). 

Em outras palavras, o investidor que resolve aplicar nesse tipo de título e sofrer com um calote não tem direito de garantia de crédito, podendo perder totalmente o capital investido. 

Vale a pena títulos de high yieldTudo depende do objetivo do investimento, podendo variar de acordo com o seu perfil de investidor e o quão disposto está de correr riscos.