Grendene (GRND3) Aprova Programa de Recompra de Ações
| ,

Grendene (GRND3) Aprova Programa de Recompra de Ações

A Grendene (GRND3) aprovou nesta quinta-feira (29), a criação de um novo programa de aquisição de ações ordinárias da Companhia.

Por
Atualizado em 30/07/2021

A Grendene (GRND3) informou na quinta-feira (29), através do fato relevante, que aprovou a criação de um novo programa de aquisição de ações ordinárias representativas do capital social da Companhia, sem diminuição do capital social.

O limite de aquisição será de até 5,0 milhões de ações ordinárias nominativas, sem valor nominal, correspondente a 1,86% das ações em circulação.

O prazo máximo de aquisição é de 540 dias, se iniciando no dia 30 de julho de 2021, e se encerrando no dia 20 de janeiro de 2023.

Banner will be placed here

O total de ações ordinárias que compõe o capital social da Companhia é de 902.160.000, sendo: 268.367.380 ações em circulação e 633.792.620 ações ordinárias de titularidade dos acionistas controladores e administradores da Companhia.

As aquisições serão realizadas a preço de mercado e exclusivamente no mercado de bolsa de valores no qual as ações ordinárias de emissão da Companhia estão admitidas à negociação.

Melhores Oportunidades do Mercado Financeiro? Veja as 3 Ações de Empresas com Maior Potencial de Valorização Hoje.

Resultado da Grendene no Primeiro Trimestre de 2021

O resultado da Grendene (GRND3) no primeiro trimestre de 2021 (1t21), divulgado no dia 29 de abril, apresentou um lucro líquido de R$ 129,2 milhões no 1t21, uma alta de 334,3% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da Grendene atingiu R$ 127,1 milhões no 1t21, apresentando crescimento de 109% na comparação com o 1t20.

A margem Ebitda da Grendene totalizou 24,3% no 1t21, apresentando crescimento de 8,0 ponto percentual na comparação com o 1t20.  

A Margem líquida da Grendene atingiu 24,7% no 1t21, apresentando crescimento de 16,7 ponto percentual na comparação com o 1t20.

As ações da Grendene (GRND3) acumulam queda de 0,45% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 53,59% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE