O Grupo Pão de Açúcar (PCAR3) esclareceu nesta segunda-feira, 9, uma informação do fato relevante divulgado na última sexta-feira, 6, sobre recompra de ações do Grupo Êxito.

O valor exato da operação é de até 320 bilhões pesos colombianos, e não milhões.

O Conselho de Administração da Almacenes Éxito, com sede na Colômbia, na qual o GPA detém 96,57% da participação acionária, aprovou, na sexta-feira, o regulamento que estabelece as condições do plano de recompra no valor de até 320 bilhões pesos colombianos, a 21.000 pesos colombianos por ação.

O plano ainda está sujeito à aprovação pela assembleia geral de Éxito a ser realizada no dia 24 de maio.

A Éxito está avaliada em mais de R$ 11 bilhões. O prazo de aceitação para a oferta de recompra é de dez dias úteis, contados a partir do dia seguinte da assembleia geral da Éxito, em 24 de maio.

Melhores Oportunidades do Mercado Financeiro? Veja as 3 Ações com Maior Potencial de Valorização Hoje.

O processo operacional será executado pela Bolsa de Valores Colombiana por meio de um sistema eletrônico de captura de dados ao qual todo o mercado de capitais possui acesso, informou o GPA há pouco, por meio de fato relevante à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Os acionistas poderão exercer a recompra de maneira 'pro rata' à sua participação no capital social de Éxito, sendo possível o exercício de pelo menos uma ação por acionista, como forma de garantir a igualdade de tratamento aos acionistas minoritários.

Resultado do Pão de Açúcar no Primeiro Trimestre de 2022  

resultado do Pão de Açúcar (PCAR3) no primeiro trimestre de 2022 (1t22), divulgado no dia 5 de maio, apresentou um lucro líquido de R$ 1,4 bilhão no 1T22, alta de 1.022,0% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Ebitda ajustado do Pão de Açúcar atingiu R$ 655,0 milhões no 1T22, apresentando retração de -12,2% na comparação com o 1T21.

margem Ebitda ajustada do Pão de Açúcar totalizou 6,5% no 1T22, apresentando retração de -1,1 ponto percentual na comparação com o 1T21. 

margem líquida do Pão de Açúcar atingiu 14,2% no 1T22, apresentando crescimento de 13,1 pontos percentuais na comparação com o 1T21.

As ações do Pão de Açúcar (PCAR3) acumulam alta de 0,54% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 42,47% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo