Gol (GOLL4) Vende R$ 1,2 bilhão de Passagens Antecipadas
| , ,

Gol (GOLL4) Vende R$ 1,2 bilhão de Passagens Antecipadas

Em contrapartida à antecipação de compra, foram negociadas condições comerciais para a Smiles que diversificam os produtos com a Gol.

Por
Atualizado em 06/07/2020

A Gol Linhas Aéreas Inteligentes S.A. (GOLL4) informou nesta segunda-feira (06), através de fato relevante, que o seu Conselho de Administração aprovou, por unanimidade, a celebração de uma operação comercial entre a Gol Linhas Aéreas S.A. e a Smiles (SMLS3), onde é firmada a venda antecipada de passagens.

A Operação tem por objeto a aquisição, pela Companhia, de R$1,2 bilhão em créditos da Gol para utilização futura na aquisição de passagens aéreas de emissão, conforme as condições estipuladas contratualmente, e a concessão à Smiles, como contrapartida, de benefícios e condições comerciais.

Como ser Sócio dos Melhores Negócios? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Empresas para Investir”.

Em contrapartida à antecipação de compra de passagens aéreas, foram negociadas novas condições comerciais para a Smiles que diversificam os produtos com a Gol e garantem tarifas de passagens aéreas em preços e condições mais competitivos do que anteriormente previsto no contrato operacional, no contrato de compra e venda de milhas e passagens aéreas e no contrato de prestação de serviços de back office celebrados entre as companhias.

Tais condições começam a viger e gerar benefícios comerciais e operacionais para a Smiles imediatamente.

Resultado da Gol no Primeiro Trimestre de 2020

O resultado da Gol (GOLL4) no primeiro trimestre de 2020 (1t20), divulgado no dia 04 de abril, apresentou um prejuízo líquido de R$ 2,2 bilhões, contra um lucro líquido de R$ 35,2 milhões no mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da Gol atingiu R$ 1,4 milhão no 1t20, apresentando crescimento de 51,3% na comparação com o 1t19.

A margem ebitda foi de 45,7%, uma retração de 16,1 p.p. quando comparado ao 1t19.

As ações da Gol (GOLL4) acumulam alta de 0,80% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 40,19% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE