Gafisa (GFSA3) informou ao mercado na sexta-feira (19), que ajustou de R$ 200 milhões para R$ 150 milhões o valor de venda de terrenos para um fundo imobiliário, em transação anunciada no último mês de agosto. 

A companhia destacou que reforçou sua posição de caixa, se mantendo como incorporadora dos projetos.

De acordo com a incorporadora, a mudança se deu principalmente por conta de alterações de estrutura da operação, motivadas pelas mudanças no cenário nacional; e que a operação anunciada envolvia originalmente cinco empreendimentos, mas a transação final foi realizada considerando quatro terrenos.

“O cerne da operação manteve-se o mesmo, buscar reciclar o capital já investido em terrenos que estão no balanço da companhia, com um significativo aumento de liquidez e disponibilidade de caixa para o desenvolvimento dos projetos da Gafisa”, diz a empresa.  

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Resultado da Gafisa no Terceiro Trimestre de 2021

O resultado da Gafisa (GFSA3) no terceiro trimestre de 2021 (3t21), divulgado no dia 16 de novembro, apresentou um lucro líquido de R$ 5,7 milhões no 3T21, uma alta de 109,9% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda ajustado da Gafisa atingiu R$ 49,7 milhões no 3T21, apresentando crescimento de 527,0% na comparação com o 3T20.

A margem Ebitda ajustada da Gafisa totalizou 29,8% no 3T21, apresentando crescimento de 25,4 pontos percentuais na comparação com o 3T20. 

A margem líquida da Gafisa atingiu 3,4% no 3T21, apresentando alta de 41,9 pontos percentuais na comparação com o 3T20.

As ações da Gafisa (GFSA3) acumulam queda de 9,65% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 51,55% nos últimos 12 meses.

Fonte: Valor Econômico.