HGLG11: Fundo Imobiliário CSHG Logística Vale a Pena?
| ,

HGLG11: Fundo Imobiliário CSHG Logística Vale a Pena?

Conheça o Fundo Imobiliário CSHG Logística (HGLG11). Seus Dividendos, Rentabilidade, Riscos e Subscrição.

Por
Atualizado em 29/10/2020

Com rentabilidade de 62% em 2019 e acumulado de 111% nos últimos 3 anos, o HGLG11 (CSHG Logística) foi um dos fundos imobiliários que teve expressiva valorização nos últimos anos. 

Os fundos de investimento imobiliário são opções mais seguras e rentáveis do que a tradicional renda de aluguéis em imóveis.

Outra vantagem é a renda mensal sem imposto. 

Com uma carteira de ativos focada em imóveis logísticos e industriais, o HGLG11 obtém lucros através da valorização dos imóveis e de seus aluguéis. 

Se você procura maneiras eficientes de ampliar seu patrimônio com investimento imobiliário, precisa conhecer mais sobre suas características! 

O intuito (do HGLG11) é manter um bom mix  de ativos e inquilinos (…) para aproveitar o crescimento do mercado e manter um portfólio com renda mais estável e previsível” Relatório Gerencial dezembro de 2019.

E então? Pronto para conhecer tudo sobre o HGLG11 e entender se esse fundo imobiliário te ajudará a alcançar a liberdade financeira? 

Você aprenderá tudo o que precisa sobre o HGLG11 agora mesmo: 

  • O que é HGLG11;
  • Quais são os rendimentos do HGLG11;
  • Resumo da carteira do HGLG11;
  • Quantidade e localização de seus ativos;
  • Volume de Negociação do HGLG11;
  • Riscos relacionados a este fundo;
  • Dados oficiais do fundo. 

Leia até o final para investir de maneira consciente, descobrindo se o HGLG11 é o FII que vai te levar à independência financeira mais rápido!

Quais os Melhores FIIs para 2021? Clique Aqui e Receba Dinheiro na Sua Conta Todos Meses.

O que é HGLG11 FII?

A sigla HGLG11 é utilizada como código para as ações do Fundo Imobiliário CSHG Logística, constituído em março de 2010. 

O fundo é administrado pela Credit Suisse Hedging Griffo Corretora de Valores S.A., localizada em São Paulo, SP. 

Seu objetivo é a exploração de empreendimentos imobiliários no setor industrial e de operação logística.

O HGLG11 é um fundo do tipo “tijolo”.

Nessa classe de FIIs, os ativos são compostos maiormente pela aquisição de imóveis físicos, que gerarão lucros através da valorização do imóvel e de aluguéis. 

O HGLG11 admite investimentos em recebíveis de acordo com seus objetivos, como CRI ( Certificado de Recebíveis Imobiliários) e LCI (Letra de Crédito Imobiliário), ou mesmo outros fundos imobiliários. 

A primeira emissão de cotas do HGLG11 foi de 100 cotas, comercializadas a R$ 1 mil cada. 

Em dezembro de 2019, o valor patrimonial do fundo alcançou os R$ 2,4 bilhões, com 13 imóveis localizados em 4 estados.  

Banner will be placed here

HGLG11 Rendimentos

O HGLG11 paga rendimentos mensalmente para os seus cotistas.  O retorno por cota foi de 4,6 % nos últimos 12 meses. Isso significa um ganho de R$ 9,12. 

No último mês o rendimento pago foi de R$ 0,78, representando 0,39% sobre o valor da sua cota. 

Gráfico: HGLG11 Rendimento Dezembro 2019
Gráfico: HGLG11 Rendimento Dezembro 2019. Fonte: Relatório CSHG.

Desde a oferta inicial, a valorização foi de 48,34%, o que significa ganhos de R$ 95,87 por cota. 

Quais os Melhores FIIs para 2021? Clique Aqui e Receba Dinheiro na Sua Conta Todos Meses.

Resumo da Carteira do HGLG11 

Com foco em galpões para operações logísticas e industriais, a carteira do HGLG11 é composta por investimentos em imóveis e papéis de dívidas atrelados a eles. 

A alocação de ativos se divide em: 

HGLG11 Resumo Carteira Dezembro 2019
HGLG11 Resumo Carteira Dezembro 2019. Fonte: Relatório CSHG.

O portfólio do fundo conta com 13 imóveis. Dez deles são localizados no estado de São Paulo, enquanto os três restantes se dividem entre Minas Gerais, Rio de Janeiro e Santa Catarina. 

Seus locadores são empresas nacionais e multinacionais, como as Lojas Americanas, Gerdau, Volkswagen, Tetra Pak e FedEx

A receita de locação desses imóveis foi superior aos R$ 69 milhões em 2019, com taxa de vacância de 6,8%. 

HGLG11 Composição Resultados Dezembro 2019
HGLG11 Composição Resultados Dezembro 2019

Quantidade e Localização dos Ativos

Os 13 imóveis da carteira do HGLG11 se localizam em 4 estados: São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Santa Catarina. 

São eles: 

CREMER BLUMENAU

Endereço: Rua Iguaçu, 291

Cidade: Blumenau – SC

Área Bruta Locável: 65.825 m2

MASTER OFFICES

Endereço: Av. Guido Caloi, 1935

Cidade: Santo Amaro – SP

Área Bruta Locável: 14.359 m2

LOJAS AMERICANAS UBERLÂNDIA

Endereço: br-497, km 1480

Cidade: Uberlândia – MG

Área Bruta Locável: 89.187 m2

ED.ONIX E ED. SAFIRA – CENTRO EMPRESARIAL ATIBAIA

Endereço: aV. tÉGULA, 888

Cidade: Atibaia – SP

Área Bruta Locável: 12,343 m2

ED. OS LUSÍADAS – BARÃO DE MAUÁ

Endereço: Rodovia D. Pedro I, Km 87

Cidade: Atibaia – SP

Área Bruta Locável: 6,232 m2

BRASCABOS RIO CLARO

Endereço: Av. Brasil, 3464

Cidade: Rio Claro – SP

Área Bruta Locável: 11.492 m2

TECH TOWN

Endereço: Rodovia SP 101, Km 09

Cidade: Hortolândia – SP

Área Bruta Locável: 7.885 m2

ED. ALBATROZ – GAIA AR

Endereço: Rodovia Dom Pedro I, KM 90

Cidade: Jarinu – SP

Área Bruta Locável: 20.154 m2

AIR LIQUIDE CAMPINAS

Endereço: Rua Ronald Cladstone Negri, 557

Cidade: Campinas – SP

Área Bruta Locável: 1.723 m2

TETRA PAK MONTE MOR

Endereço: Rua Tobias Bueno de Oliveira, 701

Cidade: Monte Mor – SP

Área Bruta Locável: 24.696 m2

GERDAU RIO DE JANEIRO

Endereço: Estrada do Pedregoso, 900

Cidade: Campo Grande – RJ

Área Bruta Locável: 16.532 m2

FEDEX GUARULHOS

Endereço: Rua Antônio Utilla, 1062

Cidade: Guarulhos – SP

Área Bruta Locável: 18.276 m2: 

CONDOMÍNIO SJC

Endereço: Rua Ambrósio Molina, 1090/1100

Cidade: São José dos Campos – SP

Área Bruta Locável: 69,466 m2 

VOLKSWAGEN VINHEDO

Endereço: Avenida das Indústrias, S/N

Cidade: Vinhedo – SP

Área Bruta Locável: 69,466 m2

Negociação e Liquidez HGLG11

Em dezembro de 2019 o volume de negociações alcançou os R$ 133,7 milhões. Durante os 12 meses anteriores, o volume somou R$ 1,2 bilhão. 

O número de cotistas passou de pouco menos de 45 mil para mais de 148 mil no mesmo período. 

Gráfico: HGLG11 Negociação e Liquidez Dezembro 2019
Gráfico: HGLG11 Negociação e Liquidez Dezembro 2019. Fonte: Relatório CSHG.

Riscos do HGLG11

O fundo imobiliário HGLG11 oferece riscos, como todos os outros investimentos. Falemos sobre os riscos principais do investimento. 

Vacância

O risco de vacância é inerente ao mercado de locação: trata-se da possibilidade de que exista desocupação e não se gere renda de aluguel. 

Nesse caso, os gastos seguem. O FII arca com os custos do período sem inquilinos, como IPTU, taxas de condomínio e outros. 

A taxa de vacância física (imóvel vago) do HGLG11 é de 6,8%. A vacância financeira, que considera o fluxo de caixa esperado para o portfólio e o quando efetivamente se gera, é de 8,3%.   

Prazo do Contrato

A duração dos contratos se relaciona com o risco de vacância do imóvel. Cabe a possibilidade de que o inquilino não se mantenha nele após a finalização. 

No HGLG11, 76,8% dos contratos vencem somente  de 2023 em diante.

Risco do Inquilino

Embora reduzido pelas características naturais de um FII, a  locação de imóveis apresenta risco próprio: a inadimplência. 

Ela gera custos relacionados à medidas legais e uma dose de burocracia. 

A gestão do HGLG11 busca minimizar esse risco locando seus imóveis à empresas nacionais e multinacionais com bases sólidas no mercado. 

Risco de Crédito

Uma pequena parte da carteira do HGLG11 é composta por recebíveis (6,8%). Esses títulos  são papéis de dívidas, e afetados pelo risco de crédito. 

Trata-se da possibilidade de inadimplência, tanto por parte da emissora do título como de seu tomador. 

Em tal situação, os imóveis em garantia são dados em pagamento. O risco se encontra no tempo entre a entrega do imóvel e sua conversão em dinheiro. 

Quais os Melhores FIIs para 2021? Clique Aqui e Receba Dinheiro na Sua Conta Todos Meses.

HGLG11 Subscrição

A subscrição é o direito que o investidor, que possuir cotas do fundo imobiliário, tem de manter o seu percentual de participação no fundo, mediante a uma nova emissão.

Na prática o fundo emite novas cotas geralmente a um preço mais baixo, tendo o cotista a preferência pela compra, sempre proporcional ao número atual de cotas que possuir do fundo.

Caso não queira usar o direito de subscrição, alguns fundos permitem que você venda esse direito através do home broker da sua corretora.

A última subscrição de junho de 2019 foi anunciado uma subscrição do HGLG11, com fator de proporção para subscrição de novas cotas equivalente a 0,50763854877 .

Esse fator deve ser aplicado sobre o número de cotas que você possuir na data de divulgação do anúncio de início.

Na prática para cada 100 cotas você terá direito a comprar 50 novas cotas ao preço de R$ 137,47 (preço de emissão).

Dados do HGLG11

Agora que já conhece as características do fundo imobiliário HGLG11, veja seus dados oficiais: 

  • Razão Social: CSHG Logística Fundo de Investimento Imobiliário – FII
  • CNPJ: 11.728.688/0001-47
  • Gestor: Credit Suisse Hedging Griffo Corretora de Valores S.A.
  • Público Alvo: investidores em geral
  • Segmento: Imóveis não residenciais
  • Patrimônio Total  (12/2019): R$ 1.211.633.639,22
  • Taxa de Administração: 0,6% a.a. (ao ano) sobre valor de mercado da negociação em bolsa 
  • Taxa de Performance: Não há
  • Início do Fundo: 08 de junho de 2010
  • Quantidade de Emissões: 5
  • Número de Cotistas (12/2019): 148.946
  • Número de Cotas do HGLG11: 11.882.212
  • Regulamento: Ver regulamento do HGLG11
  • Relatório Gerencial: Ver relatório do HGLG11
  • HGLG11 Site Oficial (RI): https://www.cshg.com.br/

Dúvidas sobre HGLG11

Respondo agora as dúvidas mais comuns sobre o fundo imobiliário HGLG11

Como comprar HGLG11?

As compras de cotas de fundos imobiliários são feitas através de uma corretora de valores.  

Assim, o primeiro passo é abrir sua conta. Então, transfira o montante que deseja investir para ela e  acesse seu Home Broker. 

Então, procure o código da ação (HGLG11) e envie sua ordem de compra, selecionando a quantidade de cotas e o valor a ser pago. 

Onde achar o informe de rendimentos do HGLG11?

O informe de rendimentos do HGLG11 está disponível na página oficial do fundo. 

Onde achar o relatório gerencial do HGLG11?

O relatório gerencial é disponibilizado na página oficial do FII e no site da Bovespa, em sua página dedicada ao fundo.

Quais os Melhores FIIs para 2021? Clique Aqui e Receba Dinheiro na Sua Conta Todos Meses.

HGLG11 Vale a Pena?

Sim, vale a pena investir em HGLG11.

O HGLG investe a maior parte de seus cursos em imóveis físicos, que aluga para empresas sólidas. 

O fundo tem boa quantidade de imóveis, é diversificado em diferentes  estados do país, possui inquilinos de primeira linha, boa liquidez em bolsa e é gerido por uma competente instituição.

Lembre-se que, antes de investir em fundos imobiliários é necessário conhecer seu perfil de investidor para fazer uma boa alocação de ativos e se expor a um nível adequado de risco.

Descubra o seu perfil através deste teste online de perfil e receba uma sugestão de ativos para a sua carteira.

Análise de FIIs

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE