Fleury (FLRY3) é Alvo de Ciberataque e Sistemas são Afetados
| ,

Fleury (FLRY3) é Alvo de Ciberataque e Sistemas são Afetados

A Fleury afirma ainda ter adotado todas as medidas para manter o atendimento aos seus clientes por meio de soluções de contingência.

Por
Atualizado em 23/06/2021

O Grupo Fleury (FLRY3) informou em comunicado ao mercado que devido ao ataque cibernético que atingiu seu ambiente de Tecnologia da Informação (TI) nesta terça-feira, 22, parte de seus sistemas e operação ficaram indisponíveis.

A rede de laboratórios afirma ainda ter adotado todas as medidas para manter o atendimento aos seus clientes por meio de soluções de contingência.

Banner will be placed here

No texto, a empresa afirma ainda ter seguido seus protocolos de segurança e controle para minimizar os impactos e que “neste momento, atua de forma diligente e com foco para mitigar os efeitos causados, bem como avaliar a extensão do incidente”.

No final da tarde, a empresa confirmou em nota enviada ao Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, que seus sistemas estavam indisponíveis após uma tentativa de ataque cibernético.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da Fleury no Primeiro Trimestre de 2021

O resultado da Fleury (FLRY3) no primeiro trimestre de 2021 (1t21), divulgado no dia 29 de abril, apresentou um lucro líquido de R$ 118,6 milhões no 1T21, uma alta de 102,0% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da Fleury atingiu R$ 285,5 milhões no 1T21, apresentando crescimento de 285,5% na comparação com o 1T20. 

A Margem Ebitda da Fleury totalizou 31,9% no 1T21, apresentando crescimento de 4,5 pontos porcentuais na comparação com o 1T20. 

A Margem Líquida da Fleury atingiu 13,3% no 1T21, apresentando crescimento de 5,1 pontos percentuais na comparação com o 1T20.

As ações da Fleury (FLRY3) acumulam queda de 1,24% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 7,98% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Estadão Conteúdo.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE