O que é Especulação e como funciona
SIMULE AGORA

Especulação

O que é Especulação. Significado, conceito, para que serve e como funciona.

O que é Especulação?

Especular é uma palavra que pode ser considerada como um sinônimo de apostar. Aqueles que especulam na bolsa de valores, geralmente estão apostando.

Aqueles que buscam ganhos na bolsa de valores ou em qualquer tipo de investimento, têm em mente alguma estratégia ou especulação em si.

Essa Especulação geralmente é motivada por algum fator, como o cenário econômico, alguma informação referente ao negócio ou a área do ativo, enfim, diversas informações e dados podem contribuir para a tomada de decisão do investidor em especular.

Vale destacar que aquele que tem como objetivo especular está disposto a ganhar muito dinheiro ou perder todo o capital alocado.

Banner will be placed here

Especulação na Prática

Vamos supor que um investidor está procurando algum investimento para fazer um lucro rápido e “fácil”.

No momento o investidor vê que o cenário econômico interno não é dos melhores e que a tendência é de alta do dólar.

Observando isso, o investidor resolve comprar dólares a fim de conseguir alcançar um bom lucro com um prazo de tempo relativamente curto.

Esse investimento pode ser considerado uma especulação devido ao seu fundamento que é um tanto quanto raso, além de não contar com fundamentos de longo prazo, por exemplo.

O investidor não está comprando dólar para compor uma carteira que tem como objetivo o longo prazo, ou com alguma estratégia de alocação de ativos, por exemplo.

O objetivo aqui é simples, é ganhar dinheiro por meio da especulação baseado em uma eventual deterioração da moeda nacional frente ao dólar.

Outro exemplo de Especulação é a seguinte: Vamos supor que a pessoa esteja interessada em fazer um bom lucro na negociação de imóveis

Mas para conseguir extrair o máximo de ganhos, a pessoa precisa comprar por um valor consideravelmente baixo e vender a um preço mais alto e assim fazer a margem.

Em uma região onde existem novos empreendimentos sendo lançados, vem se especulando a possibilidade da construção de uma creche, colégio, hospital e além de supermercados e afins.

Tudo isso provavelmente vai influenciar na valorização da região e, portanto, o imóvel que hoje está “barato” lá pode ficar bem mais caro em um prazo teoricamente curto.

Observando esse ponto, o investidor resolve fazer a aquisição e especular em cima de uma eventual valorização da região como um todo.

Será que tudo isso vai se confirmar? Não sabemos. Inclusive as coisas até podem ser montadas na região, mas quem garante que a valorização vai mesmo acontecer?

Perigos da Especulação

Um dos grandes riscos com relação ao Especular está ligado às perdas e principalmente ao fato de investir sem reconhecer que está realmente correndo risco de perder tudo.

Muitas vezes as pessoas acabam achando que o fato de conhecer algo que possivelmente pode vir a acontecer, vai influenciar em ganhos relevantes no espaço curto de tempo.

Essa confiança é tão grande, que o investimento pode ser considerável e a expectativa quase certa, porém, como não há nada garantido, o fato determinante pode vir a não acontecer ou o até pode ocorrer, mas sem a influência sobre uma eventual valorização. Desse modo, perdas ocorrem.

Evitar perdas com a Especulação

Especular não é uma coisa ruim, mas deve ser feito com consciência. Ou seja, ao invés de utilizar valores substanciais do patrimônio, a pessoa pode especular com fração pequena do patrimônio.

Ao trabalhar com uma porção menor de dinheiro, a Especulação ainda pode trazer bons retornos, mas não haverá riscos relevantes.

Especular não é uma coisa negativa, mas deve ser bem avaliada antes de ser realizada.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE