Especialista Revela Técnica de Geração de Renda Mensal
|

Especialista Revela Técnica de Geração de Renda Mensal

Marcelo Fayh, especialista em dividendos, revela a técnica que permite gerar uma renda mensal extra.

Por
Atualizado em 13/12/2019
Avalie esse texto

Marcelo Fayh, especialista em dividendos, mostra a técnica que permite qualquer brasileiro receber uma renda mensal extra todos os meses do ano.

Você já imaginou se, além do seu salário, você tivesse acesso a um programa de geração de renda mensal?

Isso mesmo. Um renda mensal na sua conta no dia primeiro, no dia 14, 15,16,17 e no dia 30.

Imagine essa mesma recorrência todos os meses, sem pular nenhum, faça chuva ou faça sol.

Antes de você saber tudo o que precisa para se beneficiar do Programa de Pagamentos Mensais, gostaria de me apresentar para você.

Eu me chamo Marcelo Fayh, sou sócio do GuiaInvest, atuo no mercado financeiro desde 2005 e sou o responsável pela reabertura do Programa de Pagamentos Mensais.

Agora que você já sabe quem eu sou, eu pergunto: você já imaginou se, além do seu salário, você tivesse acesso a um calendário de pagamentos?

Pagamentos Extras

Como falei, estou sugerindo a possibilidade de você receber pagamentos extras no dia primeiro, no dia 14, 15, 16, 17 e 30…

Esse foi o caso do Roberto, assinante do GuiaInvest e que nos mandou uma foto do seu extrato referente aos pagamentos recebidos.

Em um único mês, o Roberto recebeu exatamente R$ 2.953,50 em pagamentos e não teve que trabalhar nem um minuto a mais para isso.

E o mais importante vem agora…

Roberto continua recebendo esses pagamentos de forma recorrente.

Todos os meses do ano. Sem excessão.

E você também pode ter pagamentos semelhantes já nas próximas semanas.

E aqui vai o meu aviso: os dias e as quantias podem variar de pessoa para pessoa. 

Eu quero mostrar como você também pode ter acesso a esses pagamentos.

Melhor Forma de Geração de Renda Extra Mensal

Bom, agora deixa eu propor um raciocínio: 

uma das melhores formas de gerar renda extra mensal é sendo o proprietário de um imóvel e alugando ele para um inquilino.

Mas NÃO é isso que eu estou sugerindo para você. 

Você NÃO vai ter que comprar um imóvel.

Imagina, isso requer uma quantia inicial muito alta, muita burocracia, tempo procurando um imóvel decente, impostos… chega a cansar só de pensar, não acha?

Fora que depois que você aluga o seu imóvel, ainda precisará lidar com o inquilino e ainda corre risco de calote. 

O Programa de Pagamentos Mensais proposto por mim é um método de investimentos que funciona como se você possuísse um imóvel…

mas sem todas as incomodações de ser proprietário de um.

Calma, vou esclarecer melhor esse ponto…

Veja, não estou falando de nenhum aplicativo de imóveis ou qualquer tipo de técnica para seu apartamento estar sempre alugado.

Você NÃO vai precisar ter um imóvel.

Afinal, muitos especialistas já vem apontando que investir em imóveis não é mais um investimento bom como já foi:

A grande bola da vez para você receber aluguéis durante todos os meses do ano são os Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs).

Como Funciona

Os FIIs são fundos que captam recursos no mercado financeiro para investir em empreendimentos imobiliários. Esses empreendimentos podem ser diversos: shoppings, prédios comerciais, hospitais, galpões…

Mas o mais interessante vem agora:

você não precisa investir em um imóvel inteiro.

Você compra apenas “pedaços” dos imóveis administrados pelo fundo.

Esses pedaços são chamados de cotas.

E essas cotas te dão o direito de receber os aluguéis desses imóveis.

Lógico que quanto mais cotas você tiver, maiores os aluguéis recebidos.

E há uma dupla vantagem de investir em FIIs:

além dos aluguéis recebidos, você pode ganhar com a valorização das cotas.

Deixa eu mostrar 3 fundos que eu indico para os assinantes.

Olha só como eles foram nos últimos 12 meses.

O fundo A teve uma rentabilidade de 45% em 12 meses e ainda pagou uma quantia de R$ 610 de aluguel para quem fez um investimento de R$ 10 mil.

O fundo B teve uma rentabilidade de 46% em 12 meses e pagou uma quantia de R$ 510 de aluguel para quem fez um investimento de R$ 10 mil.

O fundo C teve uma rentabilidade de 48% em 12 meses e ainda pagou uma quantia de R$ 550 de aluguel para quem fez um investimento de R$ 10 mil.

No mesmo período, a renda fixa teve um retorno de menos de 6% e não teria rendido nenhum aluguel para você.

Chega a ser injusto comparar…

E as vantagens de se investir em Fundos Imobiliários não param por aqui:

além de ser um investimento rentável e que você pode fazer sem burocracia, os aluguéis são isentos de imposto de renda.

Os FIIs contam com gestão profissional e isso te dá a oportunidade de ser cotista de imóveis de alta qualidade começando com pouco dinheiro.

Existem cotas de FIIs que custam menos de R$ 50.

Não é à toa que muitos especialistas vêm fazendo vários alertas para essa modalidade de investimento:

Por que as Pessoas não possuem Renda Mensal Extra

Hoje, no Brasil, temos apenas 500 mil pessoas físicas investindo em FIIs.

É menos do que 0,5% da população.

Enquanto isso, temos mais de 60 milhões de pessoas com dinheiro na caderneta de poupança. Infelizmente a cultura de investimentos ainda é muito incipiente no país.

Aqui é muito comum as pessoas terem investimentos no banco e não em corretoras de valores independentes, ao contrário do que ocorre ao redor do mundo.

E hoje já não dá mais para ter uma rentabilidade satisfatória com fundos DI, CDBs, LCIs e LCAs.

E calma… não se culpe caso esse seja o seu caso.

Vamos ser francos…

você não aprende isso na escola, na faculdade, nem na pós-graduação.

Tá cheio de pós-graduado em finanças com dinheiro na poupança….

Sabe por que?

Os bancos não possuem interesse nenhum em te ensinar a investir, afinal não é isso que vai dar dinheiro para eles.

Eu falo sem medo: se você tivesse que culpar alguém, seriam eles.

Eles são realmente bons de marketing. É verdade. Não tem como negar.

No fim das contas, eles é que vem adiando o seu sucesso como investidor.

Infelizmente, o mercado financeiro acaba sendo um jogo de “nós contra eles”.

Melhor Investimento do Momento Econômico

Mas também há razões para ter esperança: hoje estamos em um dos melhores momentos para se investir no Brasil.

A taxa Selic está na mínima histórica e você já não consegue nenhum retorno relevante investindo em renda fixa. 

Isso cria uma oportunidade muito grande para você investir no setor imobiliário, já que os imóveis devem ficar cada vez mais ocupados, e isso vai fazer com que os aluguéis e valor dos imóveis subam nos próximos anos.

Além do mais o país está passando por reformas importantes, que vão melhorar o ambiente de negócios e isso é sinônimo de combustível na veia do mercado imobiliário.

Os riscos são muito favoráveis.

Mas aqui vai um aviso:

você não deve investir em qualquer fundo imobiliário, você deve investir nos melhores, nos que são confiáveis e que vão honrar o compromisso de te pagar os aluguéis em dia.

E é aí que entra o meu papel nessa história.

A minha missão é não permitir que você não corra riscos irresponsáveis.

Eu quero que você veja dinheiro extra caindo na sua conta todos os meses, isso não faria diferença para você?

Falo isso porque vivo o mercado financeiro desde 2005 e hoje, como sócio do GuiaInvest, meu propósito é ajudar você a investir melhor, para você ver seu dinheiro render de verdade.

Posso afirmar que não existe maneira mais fácil para você receber renda mensal do que investir em fundos imobiliários

Como Começar a Receber Renda Mensal

Investir nos fundos imobiliários certos é o segredo para ver receber depósitos de dinheiro limpo todos os meses e isso é possível através do Programa de Pagamentos Mensais

Mas como aderir ao Programa de Pagamentos Mensais?

Basta se tornar um assinante do Canal Aluguel Inteligente.

Esse é o canal da plataforma do GuiaInvest focado em fundo imobiliários e, lá, eu vou te ajudar a montar um Programa de Pagamentos Mensais.
Nesse canal você terá acesso a carteira exclusiva de Fundos Imobiliários que eu mesmo garimpei.

São fundos escolhidos a dedo, que você pode investir de olhos fechados e no mês seguinte começar a receber aluguéis.

O preço regular da assinatura do canal é de R$ 238,80  no plano anual.

Mas calma que hoje eu tenho uma condição especial para você.

Veja tudo o que você leva ao assinar o Canal Aluguel Inteligente.

  • A minha carteira com FIIs que selecionei para você ter pagamentos mensais
  • Kit do Investidor: um passo a passo detalhado para você abrir uma conta em uma corretora e comprar e vender os seus fundos imobiliários.
  • Publicações Mensais: nesses relatórios eu explico o racional dos investimentos que eu estou sugerindo para você.
  • Comunidade de Discussão: na comunidade da nossa plataforma você pode trocar informações e ideias com outros assinantes. Eu também sou bastante ativo por lá e certamente teremos um importante ponto de contato na comunidade.
  • Lives Semanais: Toda semana vamos conversar ao vivo. Você manda as suas dúvidas, eu respondo. Quando você não puder comparecer, a live ficará gravada e disponível para você na nossa plataforma.

Hoje vou disponibilizar a assinatura do Canal Aluguel Inteligente por um preço simbólico.

O preço para você se tornar assinante é de apenas 12 parcelas de R$ 9,90 com 7 dias de teste.

É uma corrida de Uber de 5 quarteirões por mês.

Você gastaria mais do que isso só em deslocamento caso tivesse uma consultoria financeira particular.

Adquirindo agora a assinatura do Canal Aluguel Inteligente você será capaz de receber pagamentos extras todos os meses, faça chuva ou faça sol.

Então no link abaixo e confirme a sua assinatura no Canal Aluguel Inteligente. Esse pode ser um divisor de águas da sua vida financeira.

Quero assinar o Canal Aluguel Inteligente

Independente de qual for a sua escolha, eu te desejo sucesso.

Um abraço e até uma próxima.

Disclaimer: Declaro que as informações contidas neste texto são públicas e que refletem única e exclusivamente a minha visão independente sobre a companhia, sem refletir a opinião do The Capital Advisor ou de seus controladores.

Avalie esse texto

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais