A Energisa (ENGI11) registrou alta de 1,4% no consumo de energia em suas distribuidoras em julho na comparação com o mesmo mês de 2020, totalizando 2.895 GWh.

No acumulado do ano até julho, o consumo apresentou acréscimo de 3,1% em relação ao mesmo período do ano anterior, para 21.124 GWh.

Considerando o mercado não faturado, o crescimento total foi de 2,8% no acumulado de sete meses, para 20.929 GWh.

Segundo a empresa, o desempenho do mês foi impulsionado, principalmente, pelo aumento do consumo de energia das classes comercial (alta de 7%) e industrial (4,2%), direcionado pelas flexibilizações de restrições ao comércio e serviços e pelo bom desempenho de alguns ramos industriais.

Seis das 11 distribuidoras apresentaram aumento no consumo de energia em suas áreas de concessão.

Por outro lado, a classe residencial apresentou queda de 1% (10,3 GWh), caindo em cinco distribuidoras, desempenho devido a uma combinação de temperaturas mais baixas e base alta em julho de 2020 (de alta de 4,2%).

A classe rural registrou queda de 3,1% (10,1 GWh) na comparação anual, influenciada por efeito calendário e base alta de comparação.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Resultado da Energisa no Segundo Trimestre de 2021

O resultado da Energisa (ENGI11) no segundo trimestre de 2021 (2t21), divulgado no dia 12 de agosto, apresentou um lucro líquido de R$ 749 milhões no 2T21, uma alta de 951,4% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda ajustado da Energisa atingiu R$ 1,5 bilhão no 2T21, apresentando crescimento de 86,8% na comparação com o 2T20.

A margem Ebitda ajustada da Energisa totalizou 24,5% no 2T21, apresentando crescimento de 6,3 pontos percentuais na comparação com o 2T20. 

A margem líquida da Energisa atingiu 12,3% no 2T21, apresentando crescimento de 14,3 pontos percentuais na comparação com o 2T20.

As ações da Energisa (ENGI11) acumulam alta de 1,19% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 3,28% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.