10 Empresas Elétricas Mais Lucrativas da Bolsa de Valores
SIMULE AGORA
| ,

10 Empresas Elétricas Mais Lucrativas da Bolsa de Valores

Confira o ranking das 10 mais lucrativas empresas do setor de energia elétrica listadas na bolsa de valores.

Por
Atualizado em 07/05/2021

Os investidores que buscam rentabilizar seu dinheiro através da renda variável muitas vezes recorrem às empresas mais lucrativas na bolsa de valores (B3).

As companhias que mais se destacam pelos lucros apresentados em suas demonstrações financeiras estão presentes nos diversos setores do mercado de ações.

Entretanto, ao analisar a lucratividade, muitos especialistas do mercado financeiro defendem o setor de energia elétrica como um dos mais seguros da bolsa de valores.

O segmento é considerado um dos mais defensivos para uma carteira de ações.

Essa análise segue uma lógica simples: são empresas que fornecem serviços essenciais à população e que nunca deverão deixar de existir.

Afinal, ninguém deixará de consumir energia por um longo período, mesmo em momentos de crises financeiras.⁠

Porém, vale ressaltar que na hora de você avaliar as melhores ações para investir é fundamental analisar o potencial de cada empresa no longo prazo.

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Então, veja o ranking da média anual de lucro de cada companhia do setor elétrico e conheça as 10 empresas elétricas mais lucrativas na bolsa de valores brasileira.

Leia até o final e descubra como essa lucratividade é distribuída entre os acionistas das principais companhias de energia.

Ranking das Empresas com Mais Investidores na Bolsa de Valores

Veja o ranking das 10 elétricas que apresentaram a maior média anual de lucros, de acordo com seus resultados dos últimos 5 anos.

#AçãoEmpresaMédia Anual
1ELET6EletrobrasR$ 6,45 bi
2TRPL4Isa CteepR$ 2,71 bi
3EGIE3Engie BrasilR$ 2,19 bi
4CPFE3CPFL EnergiaR$ 2,14 bi
5CPLE6 CopelR$ 1,95 bi
6EQTL3EquatorialR$ 1,88 bi
7CMIG4CemigR$ 1,81 bi
8NEOE3NeoenergiaR$ 1,52 bi
9ENBR3EDP BrasilR$ 1,22 bi
10TAEE11TaesaR$ 1,20 bi
Banner will be placed here

Elétricas Mais Lucrativas

Veja as companhias que lideram a lista das empresas mais lucrativas do setor de energia elétrica na bolsa de valores brasileira.

Eletrobras (ELET6)

A Eletrobras (ELET6) é a companhia elétrica mais lucrativa na bolsa de acordo com a média anual de lucros dos últimos 5 anos, que chega a R$ 6,45 bilhões.

No último resultado trimestral divulgado pela estatal, no quarto trimestre de 2020 (4t20), a empresa apresentou um lucro líquido de R$ 1,2 bilhão.

Apesar desse valor representar uma baixa de -44% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, o Ebitda do mesmo período teve crescimento de 46% ante o 4t19.

Já a Margem líquida da Eletrobras atingiu 38,6% no 4t20, apresentando retração de -3,9 ponto percentual na comparação com o 4t19.

Esses resultados financeiros têm sido compartilhados com os investidores da ELET6 através de um payout de 152,1%.

Com isso, o dividend yield (DY) atual das ações é de 16,4%, sendo que a estatal já anunciou o pagamento de R$ 1,5 bilhão em proventos neste ano.

Isa Cteep (TRPL4)

No segundo lugar do ranking das elétricas mais lucrativas está a Isa Cteep (TRPL4), que possui a média anual de lucros de R$ 2,71 bilhões.

A companhia apresentou no quarto trimestre de 2020 um lucro líquido de R$ 1,5 bilhão, alta de 209,6% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Já no primeiro resultado divulgado neste ano, um lucro líquido de R$ 308,1 milhões no 1T21, apresentando uma variação de -0,05% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Atualmente os lucros têm sido distribuídos aos acionistas por um payout de 60,5%, resultando em um DY de 12,8% para as ações TRPL4.

No último pagamento de dividendos, em março, a Isa Cteep distribuiu R$ 524,4 milhões em proventos.

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Engie Brasil (EGIE3)

A terceira elétrica mais lucrativa nos últimos anos é a Engie Brasil (EGIE3), que apresenta média anual de R$ 2,19 bilhões.

No último trimestre de 2020, a companhia apresentou um lucro líquido de R$ 1,03 bilhão, representando uma alta de 66,7% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

no primeiro trimestre deste ano, o lucro da companhia foi de R$ 529 milhões, com uma alta de 3,3% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Além dos resultados de lucros, a Engie apresenta o quarto maior dividend yield projetado para 2021 do setor elétrico, com a taxa de rentabilidade das ações prevista a 6,10%.

Em fevereiro o conselho da Engie aprovou a proposta de distribuição de R$ 2 bilhões em dividendos e juros sobre o capital próprio (JCP).

Já na última semana de abril a Engie anunciou o pagamento de R$ 609,5 milhões em dividendos aos acionistas que estiverem com a ação no dia 11 de maio.

Atualmente, a taxa de distribuição do lucro líquido da empresa em proventos é de 74,1%.

CPFL Energia (CPFE3)

A CPFL Energia (CPFE3) aparece na quarta posição do ranking das companhias elétricas mais lucrativas da bolsa de valores brasileira com uma média anual de R$ 1,95 bilhão.

A empresa apresentou na sua última divulgação de resultados trimestrais, no 4t20, um lucro líquido de R$ 989 milhões no 4t20.

Além dessa alta de 15,5% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior, a margem líquida da CPFL permaneceu estável no patamar de 10,7%.

Atualmente os lucros da companhia têm sido distribuídos em forma de proventos em uma taxa de 112%, resultando em um DY de 13,0% aos acionistas.

No último comunicado de pagamento de dividendos, a CPFL anunciou que pagará R$ 1,7 bilhão em proventos no mês de junho.

Copel (CPLE6)

Na quinta posição do ranking de elétricas mais lucrativas dos últimos 5 anos está a Copel (CPLE6), que tem média anual de lucros de R$ 1,95 bilhão.

A estatal paranaense registrou no último trimestre de 2020 lucro líquido de R$ 1,1 bilhão no 4t20, uma alta de 88,4% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Já no resultado do primeiro trimestre deste ano, o lucro da Copel foi de R$ 795,2 milhões, com alta de 55,6% em relação ao mesmo trimestre em 2020.

Atualmente esses lucros têm sido distribuídos aos acionistas por um payout de 63,2%, resultando em um DY de 16,1% para as ações CPLE6.

No último pagamento de proventos realizado pela companhia, a Copel distribuiu R$ 1,5 bilhão aos acionistas em abril.

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Risco de Investir em Empresas com Alto Payout

É importante ressaltar que empresas que apresentam Payouts bastante elevados, nem sempre são uma boa alternativa de investimento.

Isto porque, a empresa pode estar se endividando para distribuir os dividendos, ou até mesmo compensar a desvalorização da ação, em que muitas vezes pode comprometer todo o ganho obtido com os dividendos.

Desta forma, é recomendável investir em empresas que apresentam um payout estável, normalmente de 90% em um período de 5 anos.

Pois, assim você estará seguro de que a empresa distribua apenas o que ela consegue gerar, sem comprometer sua situação financeira.

Onde Investir na Bolsa? Baixe a Lista de 3 Ações para Investir Agora”.

Por isso, é importante ressaltar que a bolsa de valores brasileira vai muito além dos ativos dessas 10 empresas do ranking, possuindo mais de 400 empresas listadas.⁠⁠

Para que você não corra riscos desnecessários, aproveite para conhecer melhor o seu perfil de investidor.

Realize o Teste do Perfil de Investidor para visualizar uma carteira recomendada e investir com segurança na Bolsa.

Você também pode aprender a investir melhor seguindo o checklist de 5 critérios indispensáveis para se comprar uma ação.

Se você já investe e deseja aumentar sua rentabilidade com boas empresas, baixe o e-book gratuito “As 3 Melhores Ações para Investir Hoje”.

Análise de Ações

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE