Embraer (EMBR3) Tem Financiamento de US$300 Mi Aprovado
| ,

Embraer (EMBR3) Tem Financiamento de US$300 Mi Aprovado

As instituições financeiras que farão o repasse, são o Banco do Brasil, Bradesco, Morgan Stanley, Natixis e Santander.

Por
Atualizado em 23/07/2020

A Embraer (EMBR3) comunicou nesta quinta-feira (23), que concluiu assinatura para financiamento total de 300 milhões de dólares com cinco bancos públicos e privados, como parte de sua operação de financiamento ao capital de giro para exportações.

As instituições financeira são o Banco do Brasil (BBAS3), Bradesco (BBDC4), Morgan Stanley, Natixis e Santander (SANB11).

Como ser Sócio dos Melhores Negócios? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Empresas para Investir”.

“Os desembolsos…já começaram e devem ser concluídos até o final de julho de 2020, reforçando a posição de caixa da companhia durante o segundo semestre de 2020 e 2021”, afirmou em comunicado ao mercado.

De acordo com a fabricante de aviões, essas linhas de financiamento ao capital de giro têm prazos de 2 a 4 anos e os recursos serão usados durante toda a fase de produção até o momento do embarque dos produtos para o mercado externo.

A Embraer acrescentou que “continuará avaliando formas adicionais de financiamento de maneira a manter um perfil de endividamento de longo prazo e condizente com seu ciclo de negócios”.

Resultado da Embraer no Primeiro Trimestre de 2020

O resultado da Embraer (EMBR3) no primeiro trimestre de 2020 (1t20), divulgado no dia 01 de junho, apresentou um prejuízo líquido de R$ 1,3 bilhões, queda de 87,5% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da Embraer atingiu R$ 47,6 milhões no 1t20, apresentando retração de -149,6% na comparação com o 4t19.

A margem ebitda foi de 1,7%, um crescimento de 117,6 p.p. quando comparado ao 4t19.

Já a margem líquida da Embraer atingiu -75,0% no 1t20, apresentando retração de 54,1 p.p. na comparação com o 4t19.

As ações da Embraer (EMBR3) acumulam queda de 6,70% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 57,70% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Reuters.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais
[PDF]
[PDF]