El Salvador, que se tornou o primeiro país a adotar o bitcoin uma moeda legal, perdeu US$ 36 milhões em valor depois que a criptomoeda despencou mais de 50% de sua alta histórica na quinta-feira.

O presidente Nayib Bukele apostou alto que os investimentos otimistas em bitcoin poderiam resgatar a economia de El Salvador de sua crescente relação dívida/PIB. 

Agora, com a queda do mercado de criptomoedas está sofrendo com as críticas das pessoas contrárias ao investimento de fundos do tesouro em moedas digitais voláteis. 

A administração de Bukele gastou um total de US$ 103 milhões em 2.301 bitcoins desde setembro do ano passado, segundo dados da Bloomberg

Na tarde de quinta-feira, as moedas estavam avaliadas em cerca de US$ 67 milhões. El Salvador deve atualmente cerca de US$ 23,3 bilhões em dívida nacional. 

O Fundo Monetário Internacional (FMI) emitiu vários avisos à administração sobre a legalização do bitcoin como uma forma de pagamento aceitável para qualquer compra ou dívida. 

Em fevereiro, a Fitch Ratings rebaixou a classificação de default de El Salvador de "B-" para "CCC", citando a incerteza de financiamento estimulada pela lei. 

“Famílias e empresas que mantêm saldos em Bitcoin e economizam em Bitcoin podem perder riqueza por meio de grandes oscilações de valor”, alertou a equipe do FMI El Salvador, liderada por Alina Carare, em fevereiro.

"A adoção do Bitcoin como moeda legal é totalmente financiada por dinheiro público, por meio de um fundo fiduciário. Se o preço do Bitcoin cair, os recursos do fundo podem se esgotar rapidamente", continuou o FMI. 

Sem se deixar intimidar pela queda, o presidente Bukele anunciou "El Salvador acabou de comprar o mergulho!" na segunda-feira. A compra foi a maior do país até o momento, adicionando 500 bitcoins com preço médio de US$ 30.744 cada um às suas participações. 

O investimento otimista de Bukele em criptomoeda levou a uma recepção mista pelos cidadãos do país, com protestos anteriores de bitcoin atraindo milhares de participantes.

De acordo com uma pesquisa de setembro com 1.281 pessoas, a maioria dos salvadorenhos (67,9%) discorda da decisão do governo de tornar o bitcoin moeda de curso legal. 

A carteira digital do país, "Chivo Wallet", não teve uso generalizado, pois a maioria das vendas continua sendo paga em moedas físicas. 

Fonte: Business Insider

Qual Criptomoeda Comprar Hoje? Baixe Grátis o Relatório da Criptomoeda Promissora para 2022.