O volume de tráfego consolidado nas rodovias administradas pela EcoRodovias (ECOR3) subiu 9,1% em outubro ante o mesmo mês de 2020.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

O número consolidado passou de 32.940 para 35.931 veículos, segundo os dados prévios divulgados nesta segunda-feira, 8, pela concessionária.

Levando em conta somente o total comparável, excluindo a Ecovias do Cerrado, o movimento foi de 33.112 automóveis, avanço de 0,5% na base anual.

A maior variação positiva do mês passado foi registrada pela Ecosul, com alta de 22,5%.

Em seguida, figuram Ecocataratas e Eco101, com avanços de 9,3% e 3,3%, respectivamente, na comparação entre outubro de 2020 e o mês passado.

No acumulado de 2021, o volume de tráfego consolidado passou de 252.382 no ano passado para 343.146, até 31 de outubro de 2021, alta de 20,3%.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

No total comparável, o aumento foi de 10,6%, com 315.520 veículos.

O levantamento da EcoRodovias apresenta ainda o comparativo mensal entre o mês passado e o mesmo período de 2019, com avanço de 9,2%.

Na mesma base de comparação, desconsiderando a cobrança de pedágio na Eco050, Eco135 e Ecovias do Cerrado, houve queda de 1,9%.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da EcoRodovias no Terceiro Trimestre de 2021 

resultado da EcoRodovias (ECOR3) no terceiro trimestre de 2021 (3t21), divulgado no dia 25 de outubro, apresentou um lucro líquido de R$ 141,7 milhões no 3t21, uma alta de 97,8% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior. 

O Ebitda da Ecorodovias atingiu R$ 636,4 milhões no 3t21, apresentando alta de 20,6% na comparação com o 3t20.

A margem Ebitda da Ecorodovias totalizou 69,0% no 3t21, apresentando crescimento de 0,6 ponto percentual na comparação com o 3t20. 

As ações da Ecorodovias (ECOR3) acumulam alta de 8,32% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 24,39% nos últimos 12 meses. 

Fonte: Estadão Conteúdo.