A Ecorodovias (ECOR3) comunicou que assinou com o governo de São Paulo e a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte de São Paulo (Artesp) o Termo Aditivo Modificativo Definitivo, que estendeu o prazo do contrato de concessão até novembro de 2033.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Segundo o comunicado, o contrato considera a projeção de tráfego conforme metodologia Artesp, podendo variar conforme aferição do tráfego futuro, seguindo a metodologia do fluxo de caixa marginal.

A companhia também divulgou os eventos de reequilíbrio que constam do contrato, como encerramento de uma ação anulatória, alteração do índice de atualização monetária, e ajustes ligados a depreciação e amortização, passivos regulatórios, à aplicação de reajuste parcial, de diferença entre índices, e de novos investimentos.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da EcoRodovias no Terceiro Trimestre de 2021 

resultado da EcoRodovias (ECOR3) no terceiro trimestre de 2021 (3t21), divulgado no dia 25 de outubro, apresentou um lucro líquido de R$ 141,7 milhões no 3t21, uma alta de 97,8% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior. 

O Ebitda da Ecorodovias atingiu R$ 636,4 milhões no 3t21, apresentando alta de 20,6% na comparação com o 3t20.

A margem Ebitda da Ecorodovias totalizou 69,0% no 3t21, apresentando crescimento de 0,6 ponto percentual na comparação com o 3t20. 

As ações da Ecorodovias (ECOR3) acumulam queda de 0,58% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 28,61% nos últimos 12 meses. 

Fonte: Estadão Conteúdo.