O que é Dólar Futuro e como funciona
SIMULE AGORA

Dólar Futuro

O que é Dólar Futuro. Significado, conceito, para que serve e como funciona.

O que é Dólar Futuro?

Dólar Futuro é uma espécie de contrato negociado no mercado futuro. Nesse contrato a parte se obriga a comprar ou vender dólares a um determinado valor até uma determinada data.

Dentro do mercado futuro existem vários tipos de contratos futuros de dólar com vencimentos diferentes. 

Ao comprar ou vender tais contratos o investidor é obrigado a compensar toda e qualquer variação do dólar vinculado ao contrato.

Por exemplo: se o contrato possui um valor de 10 mil dólares e a moeda norte-americana sofre uma desvalorização, a diferença deve ser compensada pelo investidor até o dia útil seguinte.

Considerando que a variação foi de 1%, então no próximo dia útil haverá uma cobrança desses 1% em sua conta. 

Essa compensação termina caso o título de Dólar Futuro vença, ou seja, negociado e liquidado.

Banner will be placed here

Dólar Futuro na Prática

Para comprar ou vender contratos de Dólar Futuro você precisa de uma conta em uma corretora de investimentos.

Corretoras devidamente credenciadas pela B3 (bolsa de valores) conseguem oferecer a possibilidade de investir em contratos de dólar futuro.

Dentre os contratos que existem hoje nós temos o mini-contrato (WDO) e o contrato convencional (DOL).

O mini-contrato possui um valor de 10 mil dólares por contrato. Sendo que o contrato cheio tem um valor de 50 mil dólares.

Destacando que no mercado futuro, o contrato cheio só é negociado em lotes de cinco contratos, desse modo o tamanho do contrato final fica em 250 mil dólares.

Já o mini contrato pode ser negociado a partir de um contrato só. Observando isso, para aqueles que possuem menos recursos, o negócio é investir em mini-contratos.

Benefícios do Dólar Futuro

Como ao investir em um contrato futuro de dólar, você não precisa definitivamente comprar o contrato integralmente, o investimento pode ser feito “sem” dinheiro algum.

O que você precisa ter é um saldo de garantia para executar a operação. Então se o cliente possui um saldo de R$ 20 mil em Tesouro Direto, o investidor terá recursos para garantir uma operação até um determinado valor.

Normalmente a margem de garantia precisa ser de algo próximo dos 15% do valor total da operação.

Assim, caso a operação seja de 250 mil dólares, o investidor precisa de algo próximo dos R$ 37,5 mil.

Como não há um envolvimento direto de valores para garantir a posição em mini contratos ou em contratos inteiros, o investimento se torna interessante.

Outro ponto importante sobre o Dólar Futuro está relacionado à proteção. Para aqueles que precisam fixar um valor para o dólar no futuro, ou que trabalham com vendas e compras em dólares, o mercado futuro é uma opção para conseguir evitar eventuais perdas.

Desvantagens do Dólar Futuro

A desvantagem está no tamanho dos contratos e nos prejuízos que tal investimento pode gerar para sua carteira.

Aqueles que possuem valores pequenos e ainda estão começando a investir, os contratos futuros não são boas opções de investimento devido ao tamanho.

Mesmo um mini contrato com o valor de 10 mil dólares, pode gerar impactos negativos na conta do investidor elevados.

É claro que havendo valorização do dólar, o investidor receberá os ganhos advindos do Dólar Futuro.

Porém, como  não há como ter certeza de ganhos ou perdas, os riscos do investimentos são elevados.

Para sair do contato do Dólar Futuro, o investidor precisa liquidar sua posição vendendo a mesma.

A venda em si não vai render ganhos ou perdas. Na verdade, a operação em si até pode render algum resultado devido à oscilação do valor do dólar (de um dia para outro).

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE