O que é Dólar Comercial e como funciona

Dólar Comercial

O que é Dólar Comercial. Significado, conceito, para que serve e como funciona.

O que é dólar comercial

O Dólar Comercial é um nome dado à cotação do dólar frente a outras moedas, quando estamos lidando com transações entre países.

Exemplo de transações: importações, exportações e contratos cambiais.

O dólar comercial é um padrão muito utilizado no Brasil e a sua volatilidade tem a capacidade de influenciar o mercado como um todo.

A alta do dólar comercial pode gerar disparada de preços de produtos que são cotados em dólar, por exemplo.

Fato que pode sim influência na volatilidade da moeda nacional, o Real, além de gerar inflação.

Banner will be placed here

Como funciona o dólar comercial

O dólar comercial tem como base a cotação da moeda norte-americana referente a operações lícitas no mercado.

Exemplo: uma empresa que está negociando a compra ou venda de produtos no exterior terá como base a cotação de uma moeda que será a moeda base.

Geralmente a moeda base é o dólar e, portanto, a cotação utilizada em tais transações é o dólar comercial.

Operações de valor pequeno geralmente são cotadas em dólar turismo. Quando a operação não é lícita, aí a cotação considera o dólar paralelo.

Assim, se você pretende trabalhar com negócios no exterior, comprando e vendendo mercadorias, o câmbio se dará pelo dólar comercial.

Diferença entre o dólar paralelo, comercial e turismo?

O dólar paralelo e turismo tem como base o dólar comercial, mas ambos os câmbios contam com um valor maior, ou seja, o spread entre a taxa de compra e venda é maior em comparação ao dólar comercial.

Já o dólar paralelo possui uma cotação com spread alto também, mas o preço normalmente é inferior ao valor do dólar turismo.

É bom destacar que a operação cambial possui alguns encargos, dentre eles o IOF (Imposto Sobre Operação Financeira), por exemplo.

Observando isso, é natural que o dólar turismo tenha uma cotação com spread alto é superior ao comercial e paralelo.

O dólar comercial, como o próprio nome diz, se trata do câmbio em operações comerciais que costumam contar com quantias elevadas, bem maiores quando comparado com as transações pessoais ou de turismo.

Vantagem do dólar comercial.

Dentre todas as modalidades de câmbio existentes no mercado nacional, o dólar comercial é a mais interessante devido aos valores, tanto de compra quanto de venda.

Ao pegar o câmbio de compra e de venda do dólar comercial a diferença está em menos de centavos.

Já as demais modalidades de dólar possuem diferenças entre o preço de compra e venda elevadas.

Lembrando que a pessoa física que está comprando dólares ou vendendo para casas de câmbio e em pequenas quantidades, provavelmente não conseguirá acesso a cotação do dólar comercial.

Como o volume financeiro, na maioria das vezes é baixo, a cotação negociada junto à pessoa física é referente ao dólar turismo

Influência do dólar comercial

O dólar comercial exerce uma influência muito grande sobre os preços de diversos produtos e serviços.

Desde commodities, como a soja, milho, algodão, até os produtos de alta tecnologia, tudo sofre com a influência da volatilidade do dólar comercial.

Se a cotação do dólar sobe e o real se desvaloriza, é bem provável que todos os produtos mencionados se tornem mais caros no Brasil.

Essa oscilação no dólar e consequentemente nos produtos pode provocar uma reação em cadeia, gerando aumento nos preços de mais produtos e serviços que dependem de tais produtos.

Assim, nós temos o dólar comercial influenciando de forma indireta a alta da inflação.

Quando isso ocorre, é comum ver o Banco Central tomando medidas restritivas, aumentando a taxa de juro e influenciando no crédito e atraindo investidores do exterior a colocar o dinheiro no Brasil.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE