CSN (CSNA3) Começa a Vender Suas Ações da Usiminas (USIM5)
| , ,

CSN (CSNA3) Começa a Vender Suas Ações da Usiminas (USIM5)

A CSN se comprometeu, para executar essa venda, a não vender o restante das ações preferenciais por um período de 45 dias.

Por
Atualizado em 08/05/2021

Depois de disputar o controle da Usiminas (USIM5) há cerca de dez anos, a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) (CSNA3), comandada pelo empresário Benjamin Steinbruch, começou a vender as ações que possui de sua concorrente mineira.

Foram vendidas na sexta-feira, 7, por meio de leilão na Bolsa paulista, a B3, 56 milhões de suas ações preferenciais, que são aquelas sem direito a voto, em uma transação que movimentou R$ 1,3 bilhão, apurou o Estadão.

Essa é metade da posição de 20% que a CSN possui nas ações preferenciais da Usiminas. Segundo fontes, a CSN se comprometeu, para executar essa venda, a não vender o restante das ações preferenciais por um período de 45 dias.

Banner will be placed here

Depois disso, uma nova venda deverá ser feira. A decisão da CSN, ao menos até aqui, é de manter as ações ordinárias, que têm direito a voto.

No entanto, por decisão do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), a siderúrgica não pode exercer seus direitos políticos, por se tratar de uma empresa concorrente.

O Cade, inclusive, já tinha determinado que a CSN deveria se desfazer das ações detidas na Usiminas.

No entanto, por causa de um período de grande desvalorização dos papéis da siderúrgica mineira, a companhia de Steinbruch conseguiu postergar o prazo.

Nesse momento, contudo, mais de cinco anos depois de a Usiminas passar pela pior crise financeira de sua história, diante de uma briga societária, as ações estão registrando forte alta.

Em 12 meses, as ações preferenciais subiram mais de 400%, movimento impulsionado pela demanda por aço e pelo preço do produto em alta.

Como ser Sócio dos Melhores Negócios? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Empresas para Investir”.

Com isso, a venda foi feita no maior valor da história da Usiminas. A CSN partiu em busca de bancos para fazer a venda na noite de quinta-feira, comentou uma fonte.

O Bank of America – Bofa (BOAC34) levou a operação. E esse não foi o primeiro desinvestimento da CSN neste ano.

A siderúrgica vendeu uma fatia de sua unidade de mineração por meio de uma oferta inicial de ações (IPO) e colocou R$ 3,6 bilhões no caixa.

Está ainda com bancos contratados desde o ano passado para a abertura de capital de sua unidade de cimentos. Procurada, CSN não comentou.

Resultado da CSN no Primeiro Trimestre de 2021

O resultado da CSN (CSNA3) no primeiro trimestre de 2021 (1t21), divulgado no dia 28 de abril, apresentou um lucro líquido de R$ 5,7 bilhões no 1t21, contra prejuízo de -R$ 1,3 bilhão no mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da CSN atingiu R$ 5,8 bilhões no 1T21, apresentando crescimento de 336% na comparação com o 1T20.

A margem Ebitda da CSN totalizou 47,7% no 1T21, apresentando crescimento de 23,6 ponto percentual na comparação com o 1T20. 

A Margem líquida da CSN atingiu 47,8% no 1T21, apresentando crescimento de 72,4 ponto percentual na comparação com o 1T20.

As ações da CSN (CSNA3) acumulam alta de 4,33% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 504,46% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Estadão Conteúdo.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE