O que é Corretora de Valores e como funciona

Corretora de Valores

O que é corretora de valores. Significado, para que serve e como funciona.

O que é corretora de valores?

A corretora de valores é uma instituição financeira que permite ao investidor negociar ativos no mercado financeiro.

Esse tipo de instituição é bastante utilizada por quem investe em ações da bolsa de valores, títulos do Tesouro Direto, fundos de investimentos, entre outros produtos financeiros. 

Os bancos tradicionais também fazem as mesmas operações, mas as corretoras de valores são reconhecidas por serem mais práticas, baratas e terem plataformas especializadas para atender os clientes.

As corretoras de valores podem ser independentes ou associadas a um banco comercial.

Banner will be placed here

Para que servem as corretoras de valores?

As corretoras de valores atuam intermediando a relação entre investidor e instituições e empresas detentoras dos ativos financeiros.

Elas trabalham com uma gama enorme de ativos financeiros que são disponibilizados para o investidor operar.

Os principais produtos que se pode comprar e vender em uma corretora são:

  • Ações;
  • Títulos públicos;
  • Títulos privados (CDB, CRI, CRA, debêntures, LCI, LCA);
  • Opções e derivativos;
  • Contratos futuros;
  • Fundos de investimentos.

Além disso, as corretoras oferecem vários serviços, como:

  • Atendimento via Mesa de Operações;
  • Plataforma online para que o investidor faça sozinho suas operações, o chamado home broker;
  • Consultoria financeira;
  • Informações e análises para orientar a tomada de decisão ao investir;
  • Administração de Carteiras, Fundos ou Clubes de Investimentos;
  • Financiamento para compra de ações (conta margem);
  • Administração e custódia (guarda) dos títulos e valores mobiliários;
  • Intermediação de oferta e distribuição de ações e fundos na bolsa de valores.

Como funcionam as corretoras de valores

As corretoras de valores funcionam a partir da autorização e do acompanhamento do Banco Central do Brasil (BACEN) e da Comissão de Valores Mobiliários (CVM)

Geralmente, a principal fonte de receita das corretoras de valores são as taxas de corretagem e comissões.

A compra e venda de ativos financeiros pelas corretoras ocorre a partir das operações de mesa e do home broker.

A primeira é a área da corretora que recebe pedidos de compra e venda de ações e informa ao sistema da bolsa de valores.

Na modalidade de operação de mesa, o contato entre investidor e corretor acontece via telefone ou e-mail.

Já o home broker é um sistema online desenvolvido para que os investidores façam suas próprias ordens de compra e venda.

Como investir através das corretoras de valores

As corretoras de valores são ótimas opções tanto para os investidores iniciantes quanto para os mais experientes.

São instituições que, por oferecerem uma estrutura especializada para a negociação de ativos financeiros, permitem ao investidor ter uma comodidade maior.

A contratação dos serviços de uma corretora de valores é muito simples.

Para isso, basta fazer o cadastro no site da corretora, inserindo dados como email, CPF, RG, conta bancária entre outros.

É importante destacar que o nome do titular da conta bancária cadastrada deverá ser igual ao da conta do titular da corretora.

Ou seja, se você cadastrar uma conta na corretora com seu nome e inserir a conta bancária de um familiar poderá haver problemas no momento de depositar o dinheiro na corretora.

Calma que esse erro tem conserto, você não perderá seu dinheiro. Mas é bom ter atenção para evitar dor de cabeça depois.

Preenchido os dados de cadastro, a corretora de valores fará a avaliação do seu perfil de investidor

Isso é importante para que a instituição possa te auxiliar na hora de realizar os investimentos e montar sua carteira. 

Terminado esse processo, a corretora de valores enviará para o seu email a senha de acesso à sua conta e também uma chave eletrônica que será usada para emitir ordens de compra e venda.

As ordens de compra e venda são emitidas via home broker ou mesa de operações.

Feito isso, o investidor estará habilitado para depositar o dinheiro a ser investido na conta da corretora.

Além disso, as corretoras de valores permitem o saque imediato do dinheiro que estiver no saldo da conta.

Basta solicitar no site que o recurso estará na conta bancária em cerca de 1 hora.

Simples, não? Para aprender mais sobre as corretoras e como escolher uma instituição ideal para você, basta conferir esse artigo sobre o tema.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE