Como Sair das Dívidas e Construir uma Bola de Neve de Riqueza
|

Como Sair das Dívidas e Construir uma Bola de Neve de Riqueza

Use o mesmo comportamento que o levou a endividar-se para aumentar suas economias!

Por
Atualizado em 23/03/2021

Para muitas pessoas, sair das dívidas pode parecer impossível. Porém, existem métodos que te ajudam a organizar suas finanças e começar a construir uma bola de neve de riqueza com investimentos.

Assim como as dívidas podem virar uma bola de neve e perderem o controle, sua riqueza também pode se multiplicar.

Para isso, a primeira coisa é se concentrar em sair das dívidas.

Se você pagar mais do que o devido em seu saldo mínimo mensal, pode ser mais fácil do que você imagina.

A ideia é colocar o máximo de dinheiro possível nessas dívidas para que sejam pagas rapidamente.

Essa é a base do método popularizado pelo escritor Dave Ramsey, a “bola de neve da dívida”.

O método bola de neve ajuda você a melhorar sua educação financeira e saldar as dívidas para depois, iniciar outra bola de neve, mas dessa vez a da riqueza!

Veja como funciona a estratégia para quitar as dívidas e o melhor método para acumular patrimônio com os juros compostos.

Método bola de neve para sair das dívidas

O método da bola de neve da dívida funciona de modo semelhante a uma bola de neve à medida que vai pagando gradualmente as dívidas.

Nessa estratégia de redução de dívida você vai quitando da dívida da menor para a maior, ganhando impulso à medida que elimina cada saldo.

Assim, quando a menor dívida é paga integralmente, o dinheiro que estava sendo usado para pagar essa dívida é destinado para o menor saldo seguinte e assim por diante. 

Durante o processo, você continua fazendo os pagamentos mínimos exigidos em todos os seus empréstimos, aplicando todo o dinheiro extra a cada mês em sua dívida desejada.

O consultor de finanças pessoais, Dave Ramsey, popularizou esse método e muitas pessoas já o usaram para sair das dívidas.

Esse pode não ser o método mais barato, mas segundo ele, eliminar dívidas menores ajuda você a se manter motivado para seguir seu plano e trabalhar gradualmente para se livrar de todas as dívidas.

Como funciona o método bola de neve da dívida

A estratégia da bola de neve da dívida é simples e envolve apenas algumas etapas:

1. Organize-se: faça uma lista de todas as suas dívidas. Ordenando-as do menor saldo para o maior. Ao construir sua lista, ignore as taxas de juros e os valores dos pagamentos mensais.

2. Pague o mínimo: se não tiver dinheiro para quitar as dívidas integralmente, pague o mínimo exigido em todos os seus empréstimos e cartões de crédito. Caso não o faça, poderá ter que pagar taxas e penalidades, o que pode prejudicar sua pontuação de crédito.

3. Pague a mais no seu menor saldo: a cada mês, coloque qualquer dinheiro extra na dívida que está no topo da sua lista. Seu objetivo é pagar agressivamente o menor saldo primeiro.

4. Aumente seu sucesso: depois de pagar seu menor saldo, risque-o da lista e passe para o próximo saldo menor. Pegue tudo que você estava pagando para o menor empréstimo e aplique no próximo, além do pagamento mínimo que você já estava fazendo. 

À medida que você termina de pagar cada dívida, seu pagamento total para a próxima ficará cada vez maior.

Digamos que você tenha cinco dívidas que totalizam R$ 1.000 por mês. Por fim, você paga uma dessas dívidas e reduz seu pagamento mensal para R$ 800. 

Em vez de pagar o mínimo, você continua pagando R$ 1.000 até que todas as suas dívidas sejam totalmente pagas.

Isso inclui usar quaisquer aumentos, bônus ou ganhos inesperados para pagar essas dívidas.

Você simplesmente continua a jogar todo dinheiro extra no pagamento de sua dívida. Ao fazer isso, a dívida é paga muito mais rapidamente.

Banner will be placed here

Quando você estiver sem dívidas, construa uma “bola de neve de riqueza”

A NBC News BETTER conversou com o fundador do site Get Rich Slowly, J.D. Roth para saber qual sua estratégia para construir riqueza.

De acordo com Roth, para muitas pessoas que conseguem pagar suas dívidas, ficar sem dívidas se torna a nova luta.

“Conheço muitas pessoas que saíram das dívidas e, quando o fazem, ficam meio perdidas”, diz ele. 

“Eles não sabem o que fazer com seu dinheiro a seguir. Então, eles saem e começam a gastar novamente. Eles têm os mesmos problemas que costumavam ter quando gastavam muito.”

Você pode evitar esse problema construindo uma “bola de neve de riqueza”, diz ele. 

Em vez de gastar os R$ 1 mil que estava pagando suas dívidas, use esses dinheiro para economizar para o futuro.

Você pode aplicar o dinheiro em uma conta de aposentadoria ou para outros objetivos de médio prazo. Tudo depende das suas necessidades pessoais.

Comece a construir uma bola de neve de riqueza investindo. Assim, está obtendo retornos sobre seus investimentos, e esses retornos podem aumentar com o tempo, criando uma bola de neve de riqueza.

Método bola de neve da riqueza

Uma bola de neve de riqueza é criar um patrimônio líquido cada vez maior à medida que aumenta sua taxa de poupança e obtém retornos sobre seus investimentos. 

O ponto-chave para melhorar sua situação financeira é simples: gaste menos do que ganha.

Essa é a regra básica das finanças pessoais.

A resposta para todos os problemas financeiros é aumentar a diferença entre seus ganhos e despesas. 

A parte difícil é desenvolver as habilidades e a mentalidade financeira para fazer isso acontecer.

Se você gastar menos do que ganha, construirá uma bola de neve de riqueza que lhe permitirá fazer as coisas que sonha fazer e ter as coisas que sonha ter.

Como Começar Investir? Baixe Grátis o Livro Digital “Como Começar a Investir do Zero”.

Reduza despesas desnecessárias

Uma das formas de contribuir para uma bola de neve de riqueza é cortar gastos supérfluos.

Uma das maiores despesas que a maioria das pessoas pode cortar, de acordo com Roth são as assinaturas e as despesas mensais recorrentes.

“Hoje em dia, existem muitos serviços de assinatura, desde a Netflix até o Microsoft Office”, diz Roth. 

Individualmente, essas assinaturas podem parecer pequenas, mas se analisarmos todas juntas, podem representar um valor considerável. 

Livrar-se de pelo menos uma pode lhe dar dinheiro extra para contribuir para sua bola de neve de riqueza.

“O que eu encorajo as pessoas a fazerem é ficar de olho nas despesas mensais recorrentes, porque elas agem como uma âncora que puxa você para baixo para que você não seja capaz de aumentar a lacuna entre seus ganhos e seus gastos”, diz Roth.

Você não precisa ser rico

O valor investido na sua bola de neve de riqueza depende de quanto seu orçamento permite.

“Se você tem uma renda baixa, será difícil economizar, digamos, R$ 100, R$ 250 ou R$ 500 por mês”, diz Roth. 

“Se for esse o caso, defina como meta economizar R$ 10, R$ 25 ou R$ 50 por mês. Cada quantia, mesmo que pequena, ajuda. ”

Agora, se tiver condições, deve contribuir com o máximo que puder para sua independência financeira

Quanto mais investir, mais cedo poderá viver de renda.

O mais importante, segundo Roth, é que você faça um esforço para economizar.

“O que quer que você queira realizar virá dessa lacuna entre seus ganhos e seus gastos”, diz Roth.

Como os Milionários Investem? Conheça os 10 Passos para ser um Investidor de Sucesso”.

Como construir uma “bola de neve de riqueza”

Etapa 1: Sair das dívidas

Utilize o método bola de neve para pagar as dívidas.

Por exemplo, se você acabou de pagar uma conta diminuindo seu saldo mínimo total de dívidas de R$ 1.000 para R$ 800. Em vez de pagar o mínimo, continue pagando R$ 1.000 até que todas as suas dívidas sejam totalmente pagas. 

Isso inclui o uso de aumentos, bônus ou ganhos inesperados para saldar essas dívidas.

Etapa 2: Construa riqueza

Assim que você estiver sem dívidas, crie uma “bola de neve de riqueza”.

Comece a contribuir com os mesmos R$ 1.000 por mês que antes usava para quitar as dívidas, agora para investir.

Com isso, passará a acumular juros compostos com o tempo. Quanto mais você contribuir, maior será a bola de neve de sua riqueza.

Etapa 3: Gaste menos

Para contribuir o máximo possível para a bola de neve de sua riqueza, corte o máximo possível de despesas recorrentes desnecessárias.

Lembre-se: você não precisa ser rico. Contribua com tanto dinheiro quanto puder, seja R$ 2 mil ou R$ 10 por mês. Cada pedacinho vai ajudar.

Dicas sobre Liberdade Financeira

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE