Cielo (CIEL3) Prestará Serviços para Nova Empresa do Bradesco
| ,

Cielo (CIEL3) Prestará Serviços para Nova Empresa do Bradesco

O presidente da Cielo lembra que o número de transações por QR Code processadas pela Cielo cresceu mais de 100% de junho a agosto.

Por
Atualizado em 14/09/2020

A Cielo (CIEL3) informou nesta segunda-feira (14), através de fato relevante, sobre a transação com parte relacionada divulgado em 9 de junho de 2020, que foi escolhida como prestadora de serviços de tecnologia do Bitz – nova empresa do Bradesco (BBDC4), que atuará como carteira digital e conta de pagamento.

A carteira digital Bitz permitirá aos seus clientes, dentre outras possibilidades, adicionar dinheiro para fazer pagamentos de contas e boletos diretamente do celular, transferir valores entre contas Bitz, efetuar TEDs e realizar compras em mais de 1,5 milhão de máquinas da Cielo distribuídas em todos os estados e no Distrito Federal por meio do QR Code, solução que viabiliza transações sem contato.

Como ser Sócio dos Melhores Negócios? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Empresas para Investir”.

Empresas e empreendedores que usarem a carteira Bitz terão a oportunidade de enviar links de pagamentos para seus clientes.

“A Cielo está orgulhosa por participar dessa iniciativa com o Bitz, que vai impulsionar o uso do celular como ferramenta de pagamentos e consolidar a posição da companhia como provedora de uma plataforma tecnológica de ponta”, afirma Paulo Caffarelli, presidente da Cielo.

“Além disso, as transações via QR Code geradas pelos usuários Bitz em nossas máquinas ajudarão a expandir as receitas dos terminais”.

Caffarelli lembra que o número de transações por QR Code processadas pela Cielo cresceu mais de 100% de junho a agosto.

Resultado da Cielo no Segundo Trimestre de 2020

O resultado da Cielo (CIEL3) no segundo trimestre de 2020 (2t20), divulgado no dia 29 de julho, apresentou um prejuízo líquido de R$ 75,2 milhões, queda de -117,5% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da Cielo atingiu R$ 236,0 milhões no 2t20, apresentando retração de -69,7% na comparação com o 2t19.

A margem ebitda foi de 9,6% no 2t20, uma retração de -18,1 p.p. quando comparado ao 2t19.

Já a margem líquida da Cielo atingiu -3,1% no 2t20, apresentando retração de -18,5 p.p. na comparação com o 2t19.

As ações da Cielo (CIEL3) acumulam queda de 5,13% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 41,91% nos últimos 12 meses.

Notícias do Mercado Financeiro

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais
[PDF]
[PDF]