A agenda econômica dessa semana trará diversos indicadores econômicos relevantes. Na segunda-feira (14), está programada a divulgação pelo Banco Central (BC) do Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) referente ao mês de junho.

Carteira Recomendada? Faça um Diagnóstico Online e Receba uma Carteira Gratuita.

No exterior, o mercado aguarda a divulgação da ata do Fomc.

Todo domingo, o TheCap analisa o Calendário Econômico brasileiro e mundial, junto com a Agenda do Mercado Financeiro, destacando os principais eventos que afetarão o mercado financeiro da semana.

Esses comentários são sobre os destaques do mercado financeiro da semana de 14/08 a 18/08.

Viver de Renda do Mercado Financeiro? Veja a Melhor Ação para Receber Dividendos.

IBC-Br

Na próxima segunda-feira (14), o Banco Central (BC) tem previsão de divulgar o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) referente ao mês de junho.

No mês de maio, o IBC-Br registrou uma queda de -2,00%, apontando uma desaceleração em comparação ao mês anterior, quando a taxa de crescimento foi de 0,56%.

Esse indicador, que serve como uma prévia do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro, acumula um aumento de 3,43% ao longo de um período de 12 meses.

IPC-S

Na quarta-feira (16), o Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV Ibre) divulgará o Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S) referente à segunda quadrissemana de agosto.

Na primeira quadrissemana de agosto, o IPC-S apresentou um aumento de 0,14%, acumulando uma alta de 4,28% nos últimos 12 meses.

Das sete capitais pesquisadas, cinco registraram acréscimo em suas taxas de variação.

Viver de Renda do Mercado Financeiro? Veja a Melhor Ação para Receber Dividendos.

IGP-10

Na quinta-feira (17), os investidores estarão aguardando a divulgação do Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10) referente ao mês de agosto pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV Ibre).

No mês de julho, o IGP-10 apresentou um declínio de -1,10%, enquanto no mês anterior, a taxa havia sido de -2,20%.

Segundo André Braz, coordenador da pesquisa, a aceleração dos preços do minério de ferro e as quedas menos acentuadas nos preços do milho e da soja contribuíram para o aumento da taxa do índice ao produtor.

Ata do Fomc

Na próxima quarta-feira (16), o Federal Reserve (Fed) tem agendada a divulgação das atas do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc).

Nesse contexto, as atas referentes à decisão de política monetária do dia 26 de julho serão disponibilizadas.

Contudo, essa divulgação pode não ter um impacto significativo no mercado, visto que os swaps do Fed indicam uma alta confiança de que o banco central manterá as taxas de juros inalteradas.

Viver de Renda do Mercado Financeiro? Veja a Melhor Ação para Receber Dividendos.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.