A Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições operação entre a Telefônica Brasil (VIVT3), Winity II Telecom Ltda e Winity S.A.

Carteira Recomendada? Faça um Diagnóstico Online e Receba uma Carteira Gratuita.

O despacho pela aprovação está publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 10.

A operação consiste no compartilhamento recíproco de elementos de infraestrutura de telecomunicações entre a Telefonia e Winity II Telecom Ltda e Winity S.A.

Segundo parecer disponibilizado pela superintendência, a operação se dará com a celebração de vários contratos.

Um deles, a Winity alugará à Telefônica, na forma de cessão do direito de uso, a faixa de 700 MHz em 1.120 municípios.

Em outro contrato, a Telefônica disponibilizará meios de rede à Winity para fins de cobertura e atendimento de 1.012 trechos de rodovias e de 313 localidades conforme obrigações por ela assumidas com a aquisição do direito de uso do espectro 700 MHz no Leilão do 5G, em modelos de roaming (Acordo de Roaming).

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja a Melhor Empresa para Receber Dividendos.

A Winity ainda cederá à Telefônica o direito de uso de infraestrutura passiva que permitirá a ampliação de cobertura para serviços de telecomunicações da Telefônica em determinadas localidades.

Segundo o parecer, o Contrato de Exploração Industrial de Radiofrequência (Contrato de EIR) prevê o uso, em caráter secundário, pela Telefônica, do bloco de 5 + 5 MHz da faixa de espectro de uso primário da Winity de forma exclusiva.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja a Melhor Empresa para Receber Dividendos.

Resultado da Telefônica no Primeiro Trimestre de 2023

resultado da Telefônica (VIVT3) no primeiro trimestre de 2023 (1t23), divulgado no dia 09 de maio, apresentou um lucro líquido de R$ 835,0 milhões no 1t23, alta de 11,3% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda da Telefônica atingiu R$ 4,9 bilhões no 1T23, apresentando crescimento de 9,6% na comparação com o 1T22.

A margem Ebitda recorrente da Telefônica totalizou 38,9% no 1T23, apresentando baixa de -0,8 ponto percentual na comparação com o 1T22.

A margem líquida da Telefônica atingiu 6,6% no 1T23, permanecendo estável na comparação com o 1T22.

As ações da Telefônica (VIVT3) acumulam queda de 0,22% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 15,11% nos últimos 12 meses.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Fonte: Estadão Conteúdo.