C&A (CEAB3): Controladores Continuam Apoiando Varejista no Brasil
| ,

C&A (CEAB3): Controladores Continuam Apoiando Varejista no Brasil

A Cofra confirma que nenhum processo está em andamento e continua sendo apoiador do negócio e sua performance.

Por
Atualizado em 19/10/2020

A C&A (CEAB3) informou nesta segunda-feira que seus controladores continuam a apoiar a companhia, em meio a informações publicadas na imprensa sobre eventual interesse deles em vender participação na rede de varejo têxtil.

“A Cofra confirma que nenhum processo está em andamento no que diz respeito à C&A Modas e a Cofra continua sendo apoiador do negócio e sua performance”, afirmou a C&A em fato relevante, referindo-se à holding controladora.

Como ser Sócio dos Melhores Negócios? Baixe Grátis o Relatório “As Melhores Empresas para Investir”.

O jornal Valor Econômico publicou que a família Brenninkmeijer, que possui 65% da C&A no país, relatou a fundos estrangeiros de private equity que estaria aberta a analisar uma proposta pelo ativo no Brasil.

As ações da C&A encerraram o dia em alta de 7,3%, cotadas a 13,73 reais. Os papéis não fazem parte do Ibovespa, que fechou com ganho de 0,35%.

Resultado da C&A no Segundo Trimestre de 2020

O resultado da C&A (CEAB3) no segundo trimestre de 2020 (2t20), divulgado no dia 19 de agosto, apresentou um prejuízo líquido de R$ 192 milhões, contra um lucro de R$ 25,7 milhões em relação ao mesmo período do ano anterior.

O Ebitda da C&A atingiu um prejuízo R$ 114,9 milhões no 2t20, versus um lucro de R$ 203,1 milhões na comparação com o 2t19.

A margem Ebitda da C&A totalizou -39,0% no 2t20, apresentando retração de -55,1 pontos percentuais na comparação com o 2t19. 

As ações da C&A (CEAB3) acumulam alta de 18,36% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 22,56% em 2020.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Reuters.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE