BTG Pactual (BPAC11) Levanta R$ 2,57 Bi em Follow-on
| ,

BTG Pactual (BPAC11) Levanta R$ 2,57 Bi em Follow-on

O banco BTG Pactual anunciou nesta quinta-feira (21) que conseguiu levantar R$2,57 bilhões em oferta primária subsequente.

Por
Atualizado em 22/01/2021

O BTG Pactual (BPAC11) precificou oferta primária subsequente (follow-on) de units a R$ 92,52 cada, levantando R$ 2,57 bilhões, de acordo com fato relevante divulgado quinta-feira (21).

O valor na oferta teve um desconto marginal de 0,3% em relação ao preço de fechamento da unit na véspera, de R$ 92,82.

Banner will be placed here

O banco pretende utilizar os recursos para acelerar iniciativas estratégicas e o crescimento da área de negócios de varejo digital, bem como manter fortes indicadores de capital e liquidez, entre outros.

A oferta com esforços restritos totalizou a distribuição de 27.777.778 units, compreendendo 27.777.778 ações ordinárias e 55.555.556 ações preferenciais, considerando exercício integral do lote adicional.

Após o follow-on, o novo capital social do banco passará a ser de R$ 12,6 bilhões, dividido em:

  • 1.784.211.500 ações ordinárias;
  • 662.472.466 ações preferenciais classe A;
  • 349.356.340 ações preferenciais classe B.

Além do próprio BTG Pactual, tem como coordenadores o Bradesco BBI, o Itaú BBA, o Morgan Stanley e o Santander Brasil.

Como Lucrar no Mercado Financeiro Hoje? Baixe o Relatório “As 3 Melhores Ações para Investir Hoje”.

Resultado da BTG Pactual no Terceiro Trimestre de 2020

O resultado da BTG Pactual (BPAC11) no terceiro trimestre de 2020 (3t20), divulgado no dia 10 de novembro, apresentou um lucro líquido de R$ 1 bilhão no 3t20, permanecendo estável em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

Em contrapartida, o banco apresentou menor eficiência no trimestre, apresentando piora no índice de eficiência de 4,5 pontos percentuais da comparação com o mesmo período de 2019.

O banco encerrou o 3t20 com R$ 253,2 bilhões em ativos totais no 3t20, apresentando crescimento de R$ 85,2 bilhões na comparação com o mesmo período de 2019.

Notícias do Mercado Financeiro

Fonte: Reuters

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE