BRF (BRFS3) informou na segunda-feira (13), através de fato relevante, que assinou um aditivo ao acordo de acionistas e joint venture com Qatar Holding LLC, uma subsidiária integral da Qatar Investment Authority (QIA).

O aditivo estipula novos termos e condições da parceria entre BRF e QIA na TBQ Foods GmbH (TBQ), sociedade holding detida 60% pela BRF e 40% pela QIA, que detém 91,7% das ações emitidas por Banvit Bandırma Vitaminli Yem Sanayi Anonim Şirketi (Banvit).

No aditivo, BRF e QIA acordaram a extinção da opção de venda de titularidade da QIA prevista no Acordo de Acionistas.

A partir de 2023, QIA possuirá novas alternativas para liquidar seu investimento na Banvit. Não obstante, restou extinta a obrigação financeira da BRF perante a QIA.

O resultado das negociações do Aditivo reforça o compromisso e confiança na parceria entre BRF e QIA.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa

Resultado da BRF no Terceiro Trimestre de 2021

O resultado da BRF (BRFS3) no terceiro trimestre de 2021 (3t21), divulgado no dia 11 de setembro, apresentou prejuízo líquido de R$ 271 milhões no 3T21, uma baixa de -223,7% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda ajustado da BRF atingiu R$ 1,4 bilhão no 3T21, apresentando crescimento de 3,9% na comparação com o 3T20.

A margem Ebitda ajustada da BRF totalizou 11,0% no 3T21, apresentando retração de -2,2 pontos percentuais na comparação com o 3T20.

A margem líquida da BRF atingiu -2,2% no 3T21, apresentando retração de -4,4 pontos percentuais na comparação com o 3T20.

As ações da BRF (BRFS3) acumulam queda de 5,05% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 10,84% nos últimos 12 meses.