A Braskem (BRKM5) informou que assinou contrato de cooperação com a Sojitz Corporation, distribuidora de químicos e polímeros com forte presença no mercado asiático, para constituição de joint venture (JV) para a produção e comercialização de bio-MEG (monoetilenoglicol) e bio-MPG (monopropileno glicol), sujeita à aprovação dos órgãos concorrenciais competentes.

Adicionalmente, informou, o plano de negócios da joint venture prevê na primeira fase investimentos a implementação de três plantas industriais, condicionados à conclusão do desenvolvimento da tecnologia.

A empresa destaca que a tecnologia a ser desenvolvida pela joint venture, contará com o apoio e a expertise da dinamarquesa Haldor Topsoe que, desde 2019, colocou em produção uma unidade de demonstração com o objetivo de validar as principais etapas da tecnologia pioneira que transforma matérias-primas renováveis, como dextrose* ou sacarose*, em bio-MEG.

A companhia lembra que, em 2020, anunciou a primeira produção de MEG renovável em escala de demonstração.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

"A parceria entre Braskem e Sojitz está alinhada aos seguintes objetivos da Braskem: neutralidade de carbono até 2050; diversificação geográfica e industrial; reforço da liderança global em biopolímeros para atender às necessidades dos clientes; e desenvolvimento de soluções sustentáveis em Economia Circular", afirma a empresa em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Resultado da Braskem no Quarto Trimestre de 2021

resultado da Braskem (BRKM5) no quarto trimestre de 2021 (4t21), divulgado no dia 16 de março, apresentou um lucro líquido de R$ 530 milhões no 4t21, apresentando queda de -37% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

A receita líquida de vendas da Braskem atingiu R$ 28,2 bilhões no 4t21, apresentando alta de 51% na comparação com o 4t20.

O resultado financeiro da Braskem totalizou um prejuízo de R$ 2,4 bilhões no 4t21, contra lucro de R$ 898 milhões quando comparado ao 4t20.

As ações da Braskem (BRKM5) acumulam alta de 2,65% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 44,69% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.