A BR Properties (BRPR3) informou nesta quarta-feira (29), que fechou um contrato de permuta com três empresas da Cristais Log para adquirir um terreno de propriedade com destinação logística e industrial, localizado no município de Cajamar, na Comarca de Jundiaí (SP), para o desenvolvimento de um projeto logístico de, aproximadamente, 150.000 m² de área bruta locável (ABL).

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

Segundo a empresa, o terreno está em uma área adjacente ao Projeto Cajamar I, onde a BR Properties já é proprietária de um condomínio logístico em desenvolvimento, com área bruta locável de 149.525 m² e previsão de entrega para o segundo trimestre de 2022.

O contrato prevê o desenvolvimento pela Companhia, na área do terreno, de dois condomínios logísticos (Projeto Cajamar II) que serão compostos por quatro galpões.

O preço de aquisição do terreno é correspondente à obrigação de permuta de construção de 33% do Projeto Cajamar II às empresas Cristais Logs, acrescido de uma torna (complemento), em dinheiro, no valor de R$ 10 milhões.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Após a conclusão da construção, a companhia será proprietária de 67% do empreendimento. A aquisição faz parte da estratégia de posicionamento da BR Properties no mercado de galpões industriais e logísticos.

"Localizada a 30 quilômetros da capital paulista, e com fácil acesso às principais rodovias do estado, a região de Cajamar vem se consolidando com a principal região logística do país.”

“Após a conclusão do projeto, a Companhia será proprietária de aproximadamente 220.000 m² de área bruta locável em Cajamar", aponta a companhia.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

Resultado da BR Properties no Segundo Trimestre de 2021

O resultado da BR Properties (BRPR3) no segundo trimestre de 2021 (2t21), divulgado no dia 04 de agosto, apresentou um lucro líquido de R$ 27,8 milhões no 2T21, uma alta de 39,0% em relação ao mesmo trimestre do ano anterior.

O Ebitda ajustado da BR Properties atingiu R$ 54,9 milhões no 2T21, apresentando crescimento de 6,0% na comparação com o 2T20.

A margem Ebitda da BR Properties totalizou 70,0% no 2T21, apresentando crescimento de 1,0 ponto porcentual na comparação com o 2T20. 

A margem líquida da BR Properties atingiu 35,3% no 2T21 apresentando crescimento de 8,9 pontos percentuais na comparação com o 2T20.

As ações da BR Properties (BRPR3) acumulam queda de 3,67% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e queda de 8,52% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.