A Binance, corretora líder em negociação de criptomoedas no Brasil e no mundo, vai realizar um workshop sobre criptoativos e as políticas da empresa de prevenção à lavagem de dinheiro (PLD) para o Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e outros órgãos convidados.

Quer Aumentar a Rentabilidade dos Investimentos? Receba um Aconselhamento Gratuito.

O treinamento, que ocorrerá nos dias 8 e 9 de agosto, será dedicado aos promotores de Justiça e investigadores do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MPRJ.

Envolvida aqui e em outros países em discussões sobre o cumprimento das regras de PLD, a empresa já havia dado treinamento semelhante a investigadores da Polícia Federal e a órgãos convidados no fim de junho, em Brasília.

"Esta ação faz parte do trabalho que a exchange vem realizando no mundo todo para aprofundar o entendimento sobre este mercado e fortalecer os trabalhos de prevenção, investigação e combate a ilícitos financeiros", disse a empresa, em nota ao Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado.

Segundo a Binance, o treinamento ao MPRJ será conduzido pelo departamento de investigações da empresa, com a participação do chefe de Inteligência e Investigações para a região Ásia-Pacífico, Jarek Jakubcek, e do especialista em Investigações na América Latina, Renato Barreto.

Jakubcek atuou na divisão de criptomoedas na equipe Dark Web do Centro de Crimes Cibernéticos da Europol, a agência de polícia da União Europeia.

Melhores Oportunidades do Mercado Financeiro? Veja as 3 Ações com Maior Potencial de Valorização Hoje.

Barreto é ex-servidor do MPRJ. No curso, serão abordados os conceitos de blockchain e criptoativos, as políticas de prevenção à lavagem de dinheiro da empresa e os processos e ferramentas desenvolvidos internamente para colaboração com as autoridades no combate a crimes cibernéticos e financeiros.

Fonte: Estadão Conteúdo.