A Berkshire Hathaway (BERK34) provavelmente obteve um ganho de US$ 30 bilhões na Apple (AAPL34) este ano, perto do valor total gasto para construir sua enorme participação na fabricante do iPhone.

Carteira Recomendada? Faça um Diagnóstico Online e Receba uma Carteira Gratuita.

A empresa do famoso investidor Warren Buffett  possuía 916 milhões de ações da Apple em 31 de dezembro, mostram os arquivos da Securities and Exchange Commission

A base de custo da Berkshire para a posição é de aproximadamente US$ 31 bilhões, mostra seu relatório anual de 2021 .

As ações da Apple subiram 25% este ano, superando a alta de 6% do S&P 500 e a alta de 15% do Nasdaq Composite, pesado em tecnologia, no mesmo período. 

O aumento elevou o valor da participação da Berkshire de US$ 119 bilhões para US$ 149 bilhões, equivalente a cerca de 22% da capitalização de mercado de US$ 667 bilhões da Berkshire no fechamento de quinta-feira.

A Berkshire considera a Apple como a holding número um em seu portfólio de ações e é a maior acionista individual do titã da tecnologia, com uma participação de 5,8%. 

O resto das cinco maiores participações de Buffett - que representam 75% do valor total da carteira de ações da Berkshire - ficaram atrás da Apple este ano. 

As ações da American Express subiram sólidos 10%, mas Bank of America, Coca-Cola e Chevron recuaram.

Vale a pena notar que o preço das ações da Apple despencou 27% em 2022, então está recuperando o terreno perdido neste trimestre. 

Apesar de seu rali este ano para US$ 162, ele ainda é negociado abaixo do pico de janeiro de 2022 de US$ 183, o que se traduziu em um valor de mercado de US$ 3 trilhões em comparação com US$ 2,6 trilhões hoje.

Fonte: Business Insider

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.