O Banco do Brasil (BBAS3) desembolsou R$ 300 milhões na linha Crédito de Energia Renovável entre maio do ano passado e maio deste ano.

O banco ampliou o prazo máximo da linha, de 60 para 96 meses, e passará a contemplar a aquisição de imóveis localizados fora de áreas urbanas, como chácaras e sítios.

Segundo o banco, já são cerca de 11 mil projetos residenciais contemplados.

Com as mudanças, a instituição afirma que as prestações ficarão menores, o que vai permitir a substituição do valor da conta de energia pela prestação do financiamento.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

O BB afirma que a ampliação de prazo faz parte das ações de incentivo a eficiência energética.

Pessoas físicas podem financiar até 100% dos sistemas fotovoltaicos para geração de energia solar em residências, com valores de R$ 5 mil a R$ 100 mil.

Melhores Negócios para Investir Hoje? Veja as 3 Empresas com Maior Potencial de Valorização na Bolsa.

A carência é de até 160 dias para o pagamento da primeira parcela, e a aquisição dos materiais e a montagem do projeto devem ocorrer em um dos fornecedores conveniados ao banco.

Resultado do Banco do Brasil no Primeiro Trimestre de 2022

resultado da Banco do Brasil (BBAS3) no primeiro trimestre de 2022 (1t22), divulgado no dia 11 de maio, apresentou um lucro líquido de R$ 6,6 bilhões no 1t22, apresentando crescimento de 57,6% na comparação com o 4T20.

A margem financeira bruta do Banco do Brasil atingiu R$ 15,3 bilhões no 1T22, apresentando crescimento de 5,6% na comparação com o 1T21.

O Índice de Basiléia do Banco do Brasil em março de 2022, totalizou 17,7%, apresentando retração de -0,1 ponto percentual na comparação com dezembro de 2021.

As ações do Banco do Brasil (BBAS3) acumulam alta de 8,94% na bolsa de valores nos últimos 7 dias e alta de 23,83% nos últimos 12 meses.

Fonte: Estadão Conteúdo.