Análise de Resultados Tecnisa 4T19 - TCSA3 vale a pena?
| ,

Análise de Resultados Tecnisa 4T19 – TCSA3 vale a pena

A Tecnisa divulgou seus resultados referentes ao 4T19, confira os destaques e se vale a pena investir na TCSA3.

Por
Atualizado em 19/03/2020

Os resultados da Tecnisa (TCSA3) referente a suas operações do quarto trimestre de 2019, foram divulgados no dia 18/03.

Veja neste artigo os principais destaques do resultado da Tecnisa do 4T19 e se a TCSA3 vale a pena investir. 

Confira o calendário de divulgação de resultados do 4T19 das empresas listadas na Bolsa de Valores e a análise das empresas que a equipe do The Capital Advisor está realizando.

Data da divulgação: 18 de março de 2020.

Sobre a Tecnisa

Conheça um pouco sobre a Tecnisa: data de fundação, core business, mercados onde atua, principais clientes.

Lançamento Houx Pinheiros – Tecnisa

A Tecnisa foi constituída em 1977, atualmente é uma das maiores incorporadoras de empreendimentos residenciais do Brasil, atuando de forma integrada na incorporação, construção e intermediação de vendas.

Seu land bank atual é de 4,1 bilhões, sendo 75% na carteira de terrenos adquirida em dinheiro e o saldo via permutas e estruturas híbridas.

Confira a estrutura do banco de terrenos da Tecnisa:

Banco de Terrenos - Tecnisa
Banco de Terrenos – Tecnisa
Banner will be placed here

Avaliação de Governança

A Tecnisa está listada na Bolsa de Valores no segmento Novo Mercado, nível mais alto da B3.

EmpresaTecnisa S.A.
CódigoTCSA3
SubsetorConstrução Civil
Segmento de ListagemIncorporações
Tag Along100%
Free Float74%
Principal AcionistaJar Participações Ltda.
Sitehttps://ri.tecnisa.com.br/

Quer Investir em Boas Ações? Baixe Grátis o Relatório com as 3 Melhores Ações para Investir Hoje.

Resultado da Tecnisa 4t19

No decorrer de 2019, devido a sua situação atual de caixa, a Tecnisa vem investindo na monetização de ativos.

O que resultou em R$ 93,0 milhões na venda de terrenos não-estratégicos e, R$ 398,0 milhões na venda líquida de estoque pronto.

A companhia também realizou seu Follow-on em julho de 2019, o que resultou em uma capitalização líquida de R$ 426,0 milhões, sendo 50% destinados para promover o crescimento das operações, como aquisição de terrenos e melhoria em sua estrutura de capital.

Por outro lado, em decorrência dos impactos econômicos do COVID-19, a companhia declarou que:

“ (…)não houve impactos do surto de Coronavírus na operação da Companhia.(…)”

“(…) a Companhia já tomou medidas para proteger seus colaboradores, bem como para ajudar o Brasil a lidar com o assunto.(…)”

“(…)A Companhia seguirá acompanhando a evolução das ações necessárias junto ao Ministério da Saúde e entidades de classe.(…)”

Confira os principais destaques dos resultados do 4T19 da Tecnisa:

  • Prejuízo líquido de R$ 59,6 milhões no 4T19;
  • Prejuízo no Lucro operacional (Ebit) de R$ 59,1 milhões;
  • Prejuízo do Ebitda de R$ 50,0 milhões no 4T19;
  • Margem Ebitda de -40,3% no 4T19;
  • Margem líquida de -48,0% no 4T19.

Resultados Operacionais da Tecnisa

A Tecnisa realizou o Lançamento do projeto Houx Pinheiros, na cidade de São Paulo, com um VGV (Valor Geral de Vendas) de R$ 84 milhões.

Correspondente à R$ 17 milhões a parte Tecnisa, com 100% das unidades comercializadas no lançamento.

Lançamentos - Tecnisa
Gráfico: Lançamentos – Tecnisa

As vendas contratadas brutas, parcela Tecnisa, somaram R$ 175 milhões no trimestre, aumento de 44% em relação ao 4T18.

A velocidade de vendas bruta, medida pelo indicador Venda Sobre Oferta (VSO), atingiu 30% no 4T19, velocidade considerável, dado que 87% das vendas foram de unidades concluídas.

No mercado imobiliário o indicador Venda Sobre Oferta (VSO), é utilizado para medir o percentual de unidades comercializadas em relação ao total de unidades disponíveis para venda, assim, quando maior o percentual, melhor.

Os distratos no 4T19 somaram R$ 11 milhões, apresentando redução de 54% em relação ao 4T18. Logo,  a Provisão para Distratos encerrou o 4T19 próximo de R$ 88 milhões, queda de 52% em relação ao 4T18.

Assim, as Vendas Contratadas Líquidas, parcela Tecnisa e líquidas de distratos, totalizaram R$ 164 milhões no 4T19, apresentando crescimento de 67% na comparação com o 4T18.

O times de vendas da Tecnisa é composto por 165 corretores, responsável por 72% das vendas realizadas no 4T19.

A carteira de terrenos da Tecnisa registrou um VGV (Valor Geral de Vendas) potencial de R$ 4.096 milhões, correspondente a parcela Tecnisa.

A companhia destacou que, entre janeiro e fevereiro de 2020, outras 5 áreas foram adquiridas, as quais, encontram-se em processo de diligência ou em cláusulas resolutivas. 

Essas áreas somam um VGV (Valor Geral de Vendas) potencial adicional de R$ 571 milhões.

A companhia encerrou 2019, com R$ 612 milhões em Estoque a Valor de Mercado, dos quais R$ 413 milhões referentes a participação Tecnisa, apresentando queda de 51% frente ao 4T18.

Em relação a entrega de empreendimentos, em julho de 2019 foi entregue o último projeto lançado, dado que a companhia no momento está investindo no novo ciclo operacional.

No decorrer no 4T19, foram repassadas 465 unidades a instituições financeiras, equivalente a R$ 86 milhões, apresentando crescimento de 10% no volume quando comparado ao 4T18.

Resultados Financeiros

A receita líquida da Tecnisa atingiu R$ 124,1 milhões no 4T19, apresentando crescimento de 60,9% na comparação com o 4T18. 

Receita Líquida - Tecnisa
Gráfico: Receita Líquida – Tecnisa

O custo dos imóveis vendidos e dos serviços prestados no 4T19 foi de R$ 121 milhões, que se compara a R$ 75 milhões reportados no 4T18.

O lucro bruto consolidado da Tecnisa atingiu R$ 3,1 milhões no 4T19, apresentando crescimento de 23,8% na comparação com o 4T18.

O lucro bruto ajustado totalizou R$ 22,9 milhões no 4T19, apresentando crescimento de 60,0% na comparação com o 4T18.

No 4T19, a margem bruta ajustada atingiu 18,5% apresentando retração de 0,1 ponto percentual na comparação com o 4T18.

O lucro operacional (Ebit) da Tecnisa atingiu um prejuízo de R$ 59,1 milhões no 4T19, apresentando redução do prejuízo de -9,2% na comparação com o 4T18.

O Ebitda da Tecnisa atingiu um prejuízo R$ 50,0 milhões no 4T19, apresentando crescimento do prejuízo de 7,9% na comparação com o 4T18. 

A margem Ebitda da Tecnisa totalizou -40,3% no 4T19, apresentando melhora de 19,8 ponto percentual na comparação com o 4T18. 

O Ebitda ajustado da Tecnisa atingiu um prejuízo de R$ 30,1 milhões no 4T19, apresentando diminuição do prejuízo de 12,6% na comparação com o 4T18. 

A Margem ebitda ajustada da Tecnisa atingiu -24,3% no 4T19, apresentando melhora de 20,5 ponto percentual na comparação com o 4T18. 

O resultado financeiro da Tecnisa permaneceu negativo no 4T19, correspondente a R$ 7,5 milhões.

O prejuízo líquido da Tecnisa atingiu R$ 59,6 milhões no 4T19, apresentando melhora de 7,1% na comparação com o 4T18. 

Lucro Trimestral Tecnisa. Fonte: GuiaInvest
Gráfico: Lucro Trimestral Tecnisa. Fonte: GuiaInvest

A margem líquida da Tecnisa totalizou -48,0% no 4T19, apresentando melhora de 35,2 ponto percentual na comparação com o 4T18.

Endividamento da Tecnisa

A dívida bruta da Tecnisa em dezembro de 2019, totalizou R$ 348,3 milhões, apresentando queda de 42,8% na comparação com dezembro de 2018.

Dívida Bruta - Tecnisa
Gráfico: Dívida Bruta – Tecnisa

A companhia apresentou uma estrutura de capital favorável no trimestre, mantendo 68,2% da sua dívida no longo prazo e, 31,8% no curto prazo.

Logo, sua dívida líquida atingiu R$ 31,2 milhões, apresentando queda de aproximadamente 106%, quando comparado com dezembro de 2018.

O indicador Endividamento Total/ Patrimônio Líquido atingiu 36,8% no 4T19.

Veja a evolução histórica dos últimos 10 anos do endividamento da Tecnisa:

Histórico Endividamento Tecnisa. Fonte: GuiaInvest
Gráfico: Histórico Endividamento Tecnisa. Fonte: GuiaInvest

Principais Indicadores Fundamentalistas

Veja abaixo os principais indicadores do Tecnisa para iniciar a sua análise fundamentalista da TCSA3.

Indicador09/201912/2019
Preço/Lucro (P/L)-3,4%-5,1%
Preço/Valor Patrimonial (PVPA)0,91,4
Dividend Yield (DY) %
Valor de Mercado $912,9 M1,3 B
Lucro por Ação (LPA) $-0,3631-0,3564
Rent. Patr. Líq. (ROE) %-26,5%-27,7%
Margem Líquida %-83,6%-71,7%
Data Divulgação08/11/1918/03/20

* Indicadores com base na data de 19/03/2020. Fonte: GuiaInvest

Quer Investir em Boas Ações? Baixe Grátis o Relatório com as 3 Melhores Ações para Investir Hoje.

Teleconferência de Resultados Tecnisa 4t19

Ouça a Transmissão da Teleconferência da Tecnisa do 4T19 abaixo.

Documentos e arquivos dos Resultados da Tecnisa do 4T19

Para conferir os resultados de outros trimestres, em texto ou áudio, acesse a Central de Resultados da Tecnisa.

TCSA3 Vale a Pena?

A Tecnisa apresentou seus resultados do 4T19 abaixo das expectativas dos acionistas.

A companhia vem apresentando lucro operacional negativo nos últimos anos, demonstrando dificuldade na rentabilização de suas atividades.

O pior desempenho foi consequência do crescimento significativo dos distratos, visto que superaram as vendas de seus empreendimentos.

O prejuízo líquido da Tecnisa, atingiu R$ 59,6 milhões no 4T19, demonstrando redução no seu prejuízo de 7,1% na comparação com o 4T18. 

Dessa forma, vemos que mesmo com o cenário de redução da taxa básica de juros, que impulsiona a oferta de crédito a seus clientes, as operações da Tecnisa apresentaram performance abaixo do esperado.

Á vista disso, temos uma posição de cautela para as ações TCSA3 no longo prazo.

Resultados da Tecnisa 4T19

Confira abaixo os Resultados da Tecnisa do 4T19 na íntegra. 

Disclaimer: Declaro que as informações contidas neste texto são públicas e que refletem única e exclusivamente a minha visão independente sobre a companhia, sem refletir a opinião do The Capital Advisor ou de seus controladores.

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais

PUBLICIDADE