Análise de Resultados SulAmerica 4T19 2019 - SULA11 vale a pena?
| ,

Análise de Resultados SulAmerica 4T19 – SULA11 vale a pena

A SulAmérica divulgou seus resultados referentes ao 4T19, confira os destaques e se vale a pena investir na SULA11.

Por
Atualizado em 03/04/2020
Avalie esse texto

Os resultados da SulAmérica (SULA11) referente a suas operações do quarto trimestre de 2019, foram divulgados no dia 20/02.

Veja neste artigo os principais destaques do resultado da SulAmérica do 4T19 e se a SULA11 vale a pena investir. 

Confira o calendário de divulgação de resultados do 4T19 das empresas listadas na Bolsa de Valores e a análise das empresas que a equipe do The Capital Advisor está realizando.

Data da divulgação: 20 de fevereiro de 2020.

Quer Investir em Boas Ações? Clique Aqui e Baixe Grátis o Relatório com as 3 Ações para Investir por 10 Anos.

Sobre a SulAmérica

Conheça um pouco sobre a SulAmérica: data de fundação, core business, mercados onde atua, principais clientes.

A SulAmérica participa, por intermédio de sociedades controladas e coligadas, dos segmentos de saúde, seguros de danos, seguros de pessoas, previdência privada, capitalização, gestão e administração de ativos.

Confira a distribuição geográfica da SulAmérica:

Distribuição Geográfica - SulAmérica
Distribuição Geográfica – SulAmérica
Banner will be placed here

Avaliação de Governança

A SulAmérica está listada na Bolsa de Valores no segmento Novo Mercado, nível mais alto da B3.

EmpresaSul America S.A.
CódigoSULA11
SubsetorPrevidência e Seguros
Segmento de ListagemSeguradoras
Tag Along100%
Free Float44%
Principal AcionistaSulasapar Participações S.A.
Sitehttps://ri.sulamerica.com.br/

Quer Investir em Boas Ações? Clique Aqui e Baixe Grátis o Relatório com as 3 Ações para Investir por 10 Anos.

Resultado da SulAmerica 4t19

No decorrer de 2019, a SulAmérica apresentou melhoria em todas suas operações de seguros, sendo influenciado pela melhora do cenário econômico.

De acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), o setor de planos de saúde e odontológico apresentaram expansão em 2019.

O setor de planos de saúde fechou 2019 com aproximadamente 47 bilhões de beneficiários logo, o segmento odontológico com 26 bilhões de usuários.

Desta forma, o melhor cenário macroeconômico aliado com a eficiência operacional da SulAmérica contribuiu para que os resultados do 4T19 da SulAmérica viessem acima das expectativas dos investidores, com destaque para:

  • Receitas totais de R$ 5,8 bilhões, representando avanço de 7,6% no 4T19;
  • Lucro líquido de R$ 452,9 milhões, avanço de 15,1% no 4T19;
  • Sinistralidade consolidada de 71,0% no trimestre e de 74,8% no ano;
  • Retorno sobre o patrimônio líquido médio de 17,6% em 2019.

Resultados Operacionais da SulAmérica

Confira os resultados operacionais do 4T19 da Sul América pelas suas divisões de negócios.

Seguro Saúde, Odontológico e Planos Administrados

No 4T19, as receitas operacionais de seguros do segmento de saúde e odontológico apresentaram aumento de 9,7% na comparação com o mesmo trimestre do ano anterior, alcançando R$ 4,5 bilhões

Receitas Operacionais Saúde e Odontológico - SulAmérica
Gráfico: Receitas Operacionais Saúde e Odontológico – SulAmérica

O melhor desempenho foi alcançado no último trimestre de 2019, apresentando boa performance em todas as carteiras: odontológico, PME e empresarial/adesão. 

Além do que, foram consolidados no 4T19 os resultados da Prodent, contribuindo de maneira integral para o crescimento de receita observado na carteira.

De acordo com a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar), a SulAmérica apresentou avanço em seu market share, atingindo 10,6% da receita total do mercado de saúde suplementar.

A carteira de planos coletivos apresentou crescimento em todas as modalidades e totalizou 3,9 milhões de beneficiários, crescimento de 18,4% em relação a dezembro de 2018.

Na comparação com dezembro de 2018, a carteira empresarial/adesão apresentou aumento de 4,9%, enquanto no PME o crescimento foi de 3,3% no 4T19.

No trimestre, as receitas operacionais de planos administrados apresentaram estabilidade em relação ao 4T18, somando R$ 15,9 milhões.

Seguro de Automóveis e Ramos Elementares

O segmento de automóveis somou R$ 761,4 milhões em receitas operacionais de seguros no trimestre, 9,4% menores em relação ao 4T18, e R$ 3,3 bilhões no acumulado do ano, apresentando redução de 2,8% em relação a 2018.

Receita Operacional Automóvel - SulAmérica
Gráfico: Receita Operacional Automóvel – SulAmérica

A queda nos níveis de roubo e furto de veículos foi o principal direcionador de redução de preços neste ano, impactando os preços nominais das apólices em um contexto de baixo crescimento da frota segurada.

O melhor ambiente de risco e as condições de competição se refletiram na redução de 3,2% do prêmio médio em relação a 2018.

O índice de sinistralidade ficou em 62,2% no trimestre, sendo 2,1 ponto percentual maior em relação ao 4T18. 

No ano, o índice permaneceu sob controle em 61,0%, sendo 0,8 ponto percentual maior em relação ao ano anterior.

A frota segurada da SulAmérica encerrou 2019 com 1,7 milhão de veículos, aumento de 0,9% na comparação com o ano anterior, ou 14 mil veículos.

No ano, a Companhia obteve sucesso ao equilibrar manutenção da frota segurada e da rentabilidade, em um contexto ainda desafiador para o mercado de seguros de automóveis, mantendo o desenvolvimento das ferramentas e processos de subscrição e a constante adequação aos níveis de riscos vigentes.

As receitas operacionais do segmento de seguros de ramos elementares foram de R$ 181,2 milhões no ano de 2019, apresentando redução de 10,9% em relação a 2018, principalmente acompanhando a redução de 26,0% observada no 4T19.

A sinistralidade tanto do trimestre quanto do ano apresentou melhora, alcançando 36,2% no ano e 26,8% no 4T19, com o bom desempenho no último trimestre de 2019 mais do que compensando o impacto das fortes chuvas no início do ano que afetaram principalmente o 1T19.

Seguros de Vida, Acidentes Pessoais e Previdência Privada

O segmento de pessoas (seguro de vida e acidentes pessoais) registrou receitas operacionais de R$ 515,0 milhões, aumento de 5,5% na comparação com o mesmo período do ano anterior, impulsionado principalmente pelo crescimento observado nos produtos, viagem e prestamista.

Receitas Operacionais de Seguros - SulAmerica
Gráfico: Receitas Operacionais de Seguros – SulAmerica

O índice de sinistralidade encerrou o ano em 45,6%, 2.5 pontos percentual acima do ano anterior, em função, principalmente, de uma maior severidade de sinistros em relação a 2018.

As reservas de previdência totalizaram R$ 8,0 bilhões ao final de 2019, crescimento de 12,4% quando comparado a 2018, influenciado pelo aumento do volume de contribuições e aportes no ano, além de uma maior rentabilidade dos fundos de previdência. 

Reserva de Previdência - SulAmérica
Gráfico: Reserva de Previdência – SulAmérica

As receitas operacionais em 2019 foram 25,1% superiores ao registrado em 2018, principalmente acompanhando o crescimento na modalidade VGBL.

Melhores Ações para 2020: Encontre as Melhores Ações para Investir com Apenas 1 Clique.

Capitalização

Em maio de 2019, a Companhia anunciou acordo para desinvestimento da carteira de capitalização, assim como da participação minoritária na Caixa Capitalização.

A transação foi concluída em 3 de fevereiro de 2020, com os resultados da operação ainda sendo reconhecidos no 4T19.

As receitas operacionais do segmento somaram R$ 64,8 milhões, crescimento de 20,1% em relação ao mesmo período do ano anterior, principalmente relacionado ao bom desempenho de Garantia de Aluguel, principal produto do portfólio.

Receitas Operacionais de Capitalização - SulAmérica
Gráfico: Receitas Operacionais de Capitalização – SulAmérica

O crescimento de receitas, combinado à redução de 21,9% em despesas operacionais, possibilitou uma margem bruta 177,0% superior em relação ao reportado em 2018, totalizando R$ 31,6 milhões em 2019.

Gestão e Administração de Ativos 

A SulAmérica Investimentos, gestora de ativos da Companhia, finalizou o ano de 2019 com R$ 46,0 bilhões em ativos sob gestão, aumento de 10,7% em relação ao ano anterior.

Volume de Ativos - SulAmérica
Gráfico: Volume de Ativos – SulAmérica

Este crescimento é explicado, principalmente, pelo maior volume de ativos de terceiros (+14,4%) e em reservas de previdência (+12,4%). 

As receitas operacionais do segmento também apresentaram bom desempenho, com aumento de 72,5% em relação a 2018, em função, principalmente, de maiores receitas com taxa de performance.

Melhores Ações para 2020: Encontre as Melhores Ações para Investir com Apenas 1 Clique.

Resultados Financeiros

As receitas operacionais da Sul América atingiram R$ 5,7 bilhões no 4T19, apresentando crescimento de 7,6% na comparação com o 4T18.

As receitas operacionais de seguros atingiram R$ 5,4 bilhões apresentando crescimento de 5,8% na comparação com o 4T18.

A sinistralidade totalizou R$ 71,0% no 4T19, apresentando crescimento 1,0 ponto percentual na comparação com o 4T18.

A margem bruta operacional totalizou 16,8% no 4T19, apresentando crescimento de 1,2 ponto percentual na comparação com o 4T18.

As despesas administrativas totalizaram 9,3% no 4T19, apresentando crescimento de 0,3 ponto percentual na comparação com o 4T18.

O índice combinado ampliado atingiu 91,1% no 4T19, apresentando crescimento de 0,7 ponto percentual na comparação com o 4T18.

O ROAE atingiu 17,6% no 4T19, apresentando crescimento de 2,4 ponto percentual na comparação com o 4T18.

O lucro líquido atingiu R$ 452,9 milhões no 4T19, apresentando crescimento de 15,1% na comparação com o 4T18.

Histórico de Lucro da SulAmérica. Fonte: GuiaInvest.
Gráfico: Histórico de Lucro da SulAmérica. Fonte: GuiaInvest.

Endividamento da SulAmérica

A SulAmérica apresentou crescimento de seu endividamento em 2019.

Veja a evolução histórica dos últimos 10 anos do endividamento da SulAmérica:

Histórico Endividamento SulAmérica. Fonte: GuiaInvest.
Gráfico: Histórico Endividamento SulAmérica. Fonte: GuiaInvest.

Principais Indicadores Fundamentalistas

Veja abaixo os principais indicadores do Sul América para iniciar a sua análise fundamentalista da SULA11.

Indicador09/201912/2019
Preço/Lucro (P/L)16,419,6
Preço/Valor Patrimonial (PVPA)2,63,2
Dividend Yield (DY) %  1,6% 1,1%
Valor de Mercado $18,4 B23,2 B
Lucro por Ação (LPA) $2,89763,0497
Rent. Patr. Líq. (ROE) %16,1%16,5%
Margem Líquida %   5,3% 5,4%
Data Divulgação07/11/1920/02/20

* Indicadores com base na data de 24/02/2020

Quer Investir em Boas Ações? Clique Aqui e Baixe Grátis o Relatório com as 3 Ações para Investir por 10 Anos.

Teleconferência de Resultados SulAmérica

Ouça a Transmissão da Teleconferência da SulAmérica do 4T19. abaixo:

Documentos e arquivos dos Resultados da SulAmérica do 4T19

Para conferir os resultados de outros trimestres, em texto ou áudio, acesse a Central de Resultados da SulAmérica.

SULA11 Vale a Pena?

Os resultados do 4T19 da SulAmérica vieram acima das expectativas dos acionistas, com destaque para seu lucro operacional (Ebit).

A melhora do lucro operacional foi influenciada pelo índice de sinistralidade dentro do recomendável e o melhor índice combinado no trimestre nas operações de seguros.

Como fatores positivos, a SulAmérica apresentou maiores margens no período, em especial margem operacional e a margem líquida, e expansão em seus segmentos de atuação.

No geral, SULA11 vale a pena, a companhia fechou o ano com resultado operacional recorde em 2019, mantendo destaque no setor de seguros.

DFP da SulAmerica 4T19

Confira abaixo os Demonstrações Financeiras do Resultado da SulAmerica do 4T19 na íntegra. 

Disclaimer: Declaro que as informações contidas neste texto são públicas e que refletem única e exclusivamente a minha visão independente sobre a companhia, sem refletir a opinião do The Capital Advisor ou de seus controladores.

Avalie esse texto

O Que Ler Agora...

Mostrar Mais